sicnot

Perfil

Lusa

Christine Lagarde diz que países emergentes devem preparar-se para subida dos juros nos Estados Unidos

Os mercados emergentes devem preparar-se para o impacto de uma subida das taxas de juro nos Estados Unidos, alertou hoje a diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, durante uma visita à Índia.

© Osman Orsal / Reuters

Lagarde falava em Bombaim, onde se reuniu com o governador do banco central da Índia, Raghuram Rajan, e considerou que o alarme causado em 2013 nos países emergentes quando a Reserva Federal (Fed), banco central norte-americano, sinalizou o início da redução do seu programa de estímulos, poderá repetir-se.

"Mesmo que este processo seja corretamente gerido, a provável volatilidade nos mercados financeiros pode provocar um aumento de riscos para a estabilidade", advertiu.

"Os mercados emergentes devem preparar-se com antecedência para enfrentarem a incerteza", disse Lagarde.

A subida das taxas de juro por parte da Fed tem sido apontada como provável para os próximos meses, esperando-se que na quarta-feira, no final de uma reunião de dois dias do banco central dos EUA, surjam sinais sobre a normalização da sua política monetária, depois de manter as taxas de juro próximas de zero desde 2008.

"O perigo é que as vulnerabilidades acumuladas durante o período de uma política monetária muito flexível possam expandir-se rapidamente quando se revertem essas políticas, criando uma substancial volatilidade nos mercados", afirmou Lagarde.

Lusa
  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52