sicnot

Perfil

Cultura

Arquiteto alemão Frei Otto, que morreu segunda-feira, distinguido com Prémio Pritzker

O arquiteto alemão Frei Otto, que morreu segunda-feira na Alemanha, venceu o Prémio Pritzker de Arquitetura, anunciou esta terça-feira em comunicado Tom Pritzker, presidente da Fundação Hyatt, que patrocina o galardão.

"O nosso júri foi claro: na sua opinião, a carreira de Frei Otto é um modelo para gerações de arquitetos e o seu impacto sentiu-se e vai continuar a sentir-se", afirmou Tom Pritzker. (Arquivo)

"O nosso júri foi claro: na sua opinião, a carreira de Frei Otto é um modelo para gerações de arquitetos e o seu impacto sentiu-se e vai continuar a sentir-se", afirmou Tom Pritzker. (Arquivo)

SHIZUO KAMBAYASHI / AP

"O nosso júri foi claro: na sua opinião, a carreira de Frei Otto é um modelo para gerações de arquitetos e o seu impacto sentiu-se e vai continuar a sentir-se", afirmou Tom Pritzker.

"A notícia da sua morte é muito triste, sem precedentes na história do prémio", disse Tom Pritzker, salientando que o arquiteto soube que ganhou o prémio antes de morrer.

Frei Otto foi o quadragésimo laureado com o Prémio Pritzker, conhecido como o Óscar da Arquitetura, e o segundo alemão a conquistá-lo.

O arquiteto foi informado de que tinha ganhado o prémio no início do ano.

"Estou tão contente por receber o Prémio Pritzker e agradeço ao júri e à família Pritzker. Nunca fiz nada para ganhar este prémio", afirmou Frei Otto na altura que soube ter conquistado o mais alto galardão para a arquitetura mundial.

"O meu projeto arquitetónico foi para construir novos tipos de edifícios para ajudar as pessoas pobres na sequência de catástrofes naturais e desastres. O que pode ser melhor para mim do que ganhar este prémio. Vou usar o tempo que me resta para continuar a fazer o que tenho feito, que é ajudar a humanidade. Têm aqui um homem feliz", acrescentou no comunicado.

Frei Otto praticava uma abordagem holística e de colaboração na arquitetura, trabalhando com ambientalista, biólogos, engenheiros, filósofos, historiadores, naturalistas, artistas e arquitetos.

Distinto professor e autor, Frei Otto foi pioneiro na utilização de tendas em estruturas. Acreditava num uso eficiente e responsável dos materiais arquitetónicos que deveriam ter o mínimo impacto ambiental.

Um dos seus trabalhos mais conhecidos são as coberturas das instalações desportivas no Parque Olímpico de Munique e pelo seu trabalho no Médio Oriente.
Lusa
  • Drone inglês evita execução do Daesh na Síria
    2:08

    Mundo

    A Força Aérea britânica divulgou esta terça-feira um vídeo que mostra um drone a parar uma execução pública que estaria prestes a acontecer às mãos do Daesh, na Síria. As imagens, apesar de cortadas pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, mostram várias pessoas na rua, uma explosão e, depois, a fuga.

  • Atrás das Câmaras em Fátima
    2:48
  • PS quer reconquistar poder em Vila Viçosa
    2:06

    Autárquicas 2017

    Ana Catarina Mendes insistiu na ideia de que o PSD escolheu um modo perigoso de fazer campanha, ao insistir nas críticas à lei da imigração. Ana Catarina Mendes, secretária-geral adjunta do PS, esteve esta quarta-feira em campanha no distrito de Évora.

  • Troca de argumentos entre Medina e Cristas marca campanha em Lisboa
    2:34

    Autárquicas 2017

    Esta quarta-feira o dia de campanha em Lisboa ficou marcado por uma troca de argumentos entre Fernando Medina e Assunção Cristas. O atual presidente da Câmara acusa a candidata do CDS de não respeitar os lisboetas por admitir que pode não exercer o cargo de vereadora até ao fim do mandato. Já Assunção Cristas garante que se for eleita cumpre o mandato até ao fim.

  • Furacão Maria já causou pelo menos nove mortes

    Mundo

    O furacão Maria já causou pelo menos nove mortos durante a sua passagem pelas Antilhas Menores, tendo baixando para uma tempestade de grau três depois de atravessar Porto Rico, segundo as autoridades.

  • Como mudar um templo com 135 anos e 2 mil toneladas... de lugar

    Mundo

    Um templo budista do século XIX é um dos mais populares em Xangai, na China. Visitado diariamente por milhares de pessoas, precisava de ser relocalizado para evitar que uma tragédia acontecesse. E mesmo pesando cerca de duas mil toneladas, a missão acabou por se provar possível.

  • Casal morre com horas de diferença depois de 75 anos de casamento

    Mundo

    George e Jean Spear morreram no passado dia 15 de setembro, no hospital de Queensway Carleton, em Ottawa (Canadá), depois de terem celebrado 75 anos de casamento em agosto. A britânica de 94 anos conheceu o candaniano em 1941, num salão de bailes, em Londres. George Spear servia as Forças Armadas durante a Segunda Guerra Mundial.

    SIC