sicnot

Perfil

Cultura

Obra de Paula Rego vendida por 180 mil euros num leilão em Lisboa

A obra da artista Paula Rego intitulada "Pioneiros" foi vendida em Lisboa por 180 mil euros num leilão de Arte Moderna e Contemporânea organizado pela Veritas, revelou esta quinta-feira à agência Lusa fonte da leiloeira.

O trabalho, proveniente de uma coleção privada portuguesa, integrou a exposição "Paula Rego: Paintings 1982-83", apresentada na Arnolfini Gallery, em Bristol, e na Edward Totah Gallery, em Londres, em 1983, e no Studio Marconi, em Milão, no ano seguinte. (Arquivo)

O trabalho, proveniente de uma coleção privada portuguesa, integrou a exposição "Paula Rego: Paintings 1982-83", apresentada na Arnolfini Gallery, em Bristol, e na Edward Totah Gallery, em Londres, em 1983, e no Studio Marconi, em Milão, no ano seguinte. (Arquivo)

PAULO DUARTE / AP

A obra "Pioneiros", um acrílico sobre papel colado em tela criado por Paula Rego em 1982, foi vendido na quarta-feira à noite pela base mínima de licitação, 180 mil euros. 

O trabalho, proveniente de uma coleção privada portuguesa, integrou a exposição "Paula Rego: Paintings 1982-83", apresentada na Arnolfini Gallery, em Bristol, e na Edward Totah Gallery, em Londres, em 1983, e no Studio Marconi, em Milão, no ano seguinte. 

O quadro estava entre os 184 lotes que foram à praça neste leilão, onde também se venderam obras, entre outros artistas, de Maria Helena Vieira da Silva, Rui Chafes, Julião Sarmento e Pedro Cabrita Reis. 

O óleo sobre tela "Tenture de lumière" (1981), de Maria Helena Vieira da Silva, projeto de tapeçaria da artista para a capela da embaixada de França em Lisboa, foi vendido por 40 mil euros, o valor base da licitação.

Outra obra de Vieira da Silva, em têmpera sobre papel, assinada e datada de 1985, foi vendida por 30 mil euros.

Ainda segundo a Veritas, a escultura em ferro de Rui Chafes, intitulada "Corpo majestosamente doente" (1999), também foi vendida pelo valor mínimo de licitação, de 10 mil euros.
Lusa
  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • Bruno de Carvalho e Octávio Machado suspensos

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e o diretor-geral para o futebol, Octávio Machado, foram esta terça-feira suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015.

  • Corredora exausta é levada ao colo até à meta na meia maratona do amor
    1:06

    Mundo

    Aconteceu este domingo em Filadélfia, EUA. A poucos metros da meta uma corredora exausta é amparada por dois colegas. Mas o cansaço é tanto que fica sem força nas pernas. É quando aparece a terceira ajuda. Um homem volta para trás e leva-a no colo até à meta. A centímetros do fim larga-a para que a corredora possa atravessar a meta pelo seu próprio pé.

    Patrícia Almeida

  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho