sicnot

Perfil

Cultura

Festa do Cinema Italiano decorre até ao dia 2 de abril em Lisboa

A realizadora italiana Alice Rohrwacher apresenta hoje, em Lisboa, o filme "O país das maravilhas", na abertura oficial da Festa do Cinema Italiano, que cumpre a oitava edição até 2 de abril, na capital.

© Agencja Gazeta / Reuters

Premiado em 2014, em Cannes, "O país das maravilhas", sobre uma família peculiar, será exibido no cinema São Jorge em antestreia nacional. Alba Rohrwacher, protagonista e irmã da realizadora, também estará em Lisboa.

Este ano, a Festa do Cinema Italiano - com uma das mais extensas programações - mostrará "Que estranho chamar-se Federico", documentário de Ettore Scola sobre uma das maiores figuras do cinema italiano, Federico Fellini, que morreu há vinte anos.

Haverá ainda uma retrospetiva dedicada a Sergio Leone, mestre do "western spaghetti", em parceria com a Cinemateca Portuguesa, e que inclui uma versão em cópia restaurada de "Era uma vez na América" e de "O bom, o mau e o vilão".

 A Festa do Cinema Italiano abre uma janela para a produção televisiva e exibirá na íntegra "Gomorra", a série de Stefano Sollima, Francesca Comencini e Claudio Cupellini, baseada na obra homónima de Roberto Saviano.

Também em cópia restaurada será exibido "Cinema Paraíso", premiado filme de Giuseppe Tornatore.

A secção competitiva contará com "Almas negras", de Francesco Munzi, "As belas coisas", de Agostino Ferrente e Giovanni Piperno, "Incompreendida", de Asia Argento, "Com a graça de Deus", de Edoardo Winspeare, "Mais escuro que a meia-noite", de Sebastiano Riso, e "Short skin", de Duccio Chiarini.

O encerramento em Lisboa acontecerá a 02 de abril, com a comédia "O rapaz invisível", de Gabriele Salvatore, sobre um adolescente que descobre que o fato que comprou tem o poder de o tornar invisível. 

Pela primeira vez, a mostra terá programação infantil, intitulada "Piccolini", focada em algumas figuras conhecidas, nomeadamente Pinóquio, Topo Gigio e Calimero.

Depois de Lisboa, a Festa do Cinema Italiano segue para o Porto (de 09 a 12 de abril), Coimbra, Loulé e Funchal.  

Lusa
  • SAD do Benfica duplica lucros

    Desporto

    O Benfica fechou a época passada com lucros de 44,5 milhões de euros, mais do dobro do registado na época anterior. São os mais elevados de que há registo.

  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22