sicnot

Perfil

Cultura

Prémios Sophia do cinema português entregues hoje

"Os gatos não têm vertigens", de António-Pedro Vasconcelos, e "Os Maias", de João Botelho - dois dos filmes portugueses mais vistos de 2014 - lideram as nomeações para os prémios Sophia, cuja cerimónia acontece hoje em Lisboa.

Esta é a quarta edição dos prémios da Academia Portuguesa de Cinema, que decorrerá no Centro Cultural de Belém, e cujo tema é dedicado às mulheres na sétima arte.


"Os gatos não têm vertigens", de António-Pedro Vasconcelos, conta com 15 nomeações, nas principais categorias - melhor filme, realização, montagem, fotografia, representação, argumento original. O filme teve cerca de 93 mil espetadores.


"Os Maias -- Cenas da vida romântica", de João Botelho, visto nos cinemas por mais de 114 mil espetadores, em 2014, soma 13 nomeações, também nas principais categorias. Com doze nomeações surge "O grande Kilapy", do realizador angolano Zezé Gamboa.


Para melhor filme estão nomeados "A vida invisível", de Vítor Gonçalves, "O grande Kilapy", "Os gatos não têm vertigens" e "Os Maias". Todos os realizadores estão nomeados na categoria de melhor realização.


Leonor Seixas, Maria do Céu Guerra, Maria João Pinho e Sara Barros Leitão estão nomeadas para o Sophia de representação principal. Para melhor ator principal foram escolhidos Filipe Duarte, Graciano Dias, João Jesus e João Lagarto.


Para melhor documentário vão a votos "Guerra ou paz", de Rui Simões, "Fado Camané", de Bruno de Almeida", "E agora? Lembra-me", de Joaquim Pinto, e "Alentejo, Alentejo", de Sérgio Tréfaut.


A atriz Eunice Muñoz e o ator e encenador Luís Miguel Cintra vão ser distinguidos com o Prémio Carreira.


Os prémios Sophia foram lançados em 2012, para distinguir os profissionais do cinema nacional pelos próprios pares, e incluem cerca de duas dezenas de categorias.


A cerimónia terá transmissão em direto pela RTP2.


Lusa
  • "Não partilhei SMS com ninguém"
    0:43

    Caso CGD

    António Domingues afirma que nunca revelou o conteúdo das mensagens trocadas com o ministro das Finanças sobre a entrega das declarações de património ao Tribunal Constitucional. O tema dos SMS foi abordado pelo ex-presidente da Caixa na sequência de uma pergunta do PCP sobre declarações feitas por António lobo Xavier no programa da SIC Notícias "Quadratura do Círculo".

  • "As regras europeias de bem estar animal são dogmas", diz diretor-geral de Veterinária
    1:32

    País

    O diretor-geral de Alimentação e Veterinária considera que as regras de bem estar animal que existem na União Europeia (UE) "parecem configurar uma transfiguração antropomórfica dos animais". Em declarações à SIC, a propósito da exportação de animais vivos para países terceiros, que têm outras regras de abate, Fernando Bernardo defendeu ainda que o método usado em Israel provoca uma insensibilização mais rápida do que o praticada na UE.

  • PAN questiona Governo sobre aposta na exportação de animais vivos para o Médio Oriente
    1:56

    País

    O partido Pessoas-Animais-Natureza lembra que à luz do Regulamento nº. 1/2005 do Conselho Europeu, os estados-membros da União Europeia (UE) devem evitar transportar animais vivos em viagens de longo curso. O deputado André Silva considera, por isso, que "o Estado português está a incumprir o regulamento" ao fomentar estas viagens, numa clara aposta económica em torno da exportação de animais vivos para Israel e outros destinos fora da UE. Para o deputado do PAN, é muito difícil ou "mesmo impossível assegurar o bem estar dos animais" em viagens de vários dias.

  • Trump pensou que presidência "seria mais fácil"

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos Donald Trump afirmou que a Presidência é mais difícil do que pensava e que tem saudades da vida que levava antes, em entrevistas a propósito dos primeiros 100 dias em funções.