sicnot

Perfil

Cultura

Série 'A Guerra dos Tronos' vale metade dos turistas em Dubrovnic

O presidente da câmara de Dubrovnic, na Croácia, estima que metade do crescimento de 10% ao ano no número de turistas seja motivado pela notoriedade de a cidade ser o cenário parcial da série 'A Guerra dos Tronos'.

© Antonio Bronic / Reuters


"O turismo em Dubrovnic nos últimos anos tem crescido 10% ao ano, e acho que a série 'A Guerra dos Tronos' é responsável por talvez metade desse crescimento", disse o presidente da autarquia local em declarações à Bloomberg, mostrando-se esperançado que a série consiga "fazer pela cidade o que 'O Senhor dos Anéis' fez pela Nova Zelândia".

A quinta temporada da série baseada nos livros de George R.R. Martin estreia em mais de 170 países a 12 de abril (em Portugal estreia no dia seguinte, no canal Syfy), e foi parcialmente filmada em Dubrovnic, para além de Espanha e Irlanda do Norte, servindo a cidade croata como King's Landing.

O turismo, setor que subiu 6% no ano passado para 13 milhões de visitantes, é essencial para a economia da Croácia, que enfrenta uma recessão desde 2009, com o PIB do país a cair quase 12%, e com indicadores negativos só ultrapassados pela Grécia e por Chipre.

A série, diz o presidente da autarquia, Andro Vlahusic, traz cerca de 10 milhões de dólares por ano em receitas, para além dos 14 milhões gastos pela equipa de produção, e cria milhares de empregos, entre figurantes e pessoal de apoio, a que se junta toda a logística em termos de alojamento e alimentação, entre outras áreas.

Os empreendores e empresários locais estão a promover a cidade como destino para os fãs da série, oferecendo visitas de três horas aos cenários de algumas das cenas mais conhecidas da série, como um passeio pelas muralhas onde se pode imaginar a Batalha de Blackwater, no mar em frente, ou a cena de combate brutalmente famosa entre 'A Montanha' e o Príncipe de Dorne, nas ruínas do hotel Belvedere.







Lusa
  • Paulo Macedo pede calma para o bem do banco
    1:45

    Caso CGD

    Paulo Macedo falou pela primeira vez desde que foi eleito o novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos e, para o bem do banco público, pediu calma a todos. Passos Coelho veio dizer que a recapitalização da Caixa pode ter de ser feita no verão do próximo ano para salvaguardar o défice deste ano. Já António Costa preferiu não comentar as declarações de Passos e diz que o banco público há muito que precisava de ser recapitalizado.

  • Condutores continuam com dúvidas em como circular numa rotunda
    2:06

    País

    Circular nas rotundas continua a ser um problema para muitos condutores. Cerca de 3 mil foram multados nos últimos três anos depois da entrada em vigor do novo código, os números são avançados pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária. Os instrutores de condução dizem que a medida provoca mais confusão nas horas de ponta.

  • O que aconteceu à menina síria que relatava a guerra no Twitter?
    1:59
  • Youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Reportagem da SIC "Renegados"
    1:27

    Grande Reportagem SIC

    O youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Grande Reportagem SIC "Renegados". Desde ontem já teve 67 mil visualizações no Facebook. Imagine que ia renovar o cartão de cidadão e diziam-lhe que afinal não é português? Mesmo tendo nascido, crescido, estudado e trabalhado sempre em Portugal? Foi o que aconteceu a inúmeras pessoas que nasceram depois de 1981, quando a lei da nacionalidade foi alterada.«Renegados» é como se sentem estes filhos de uma pátria que os excluiu. Para ver, esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC.

  • "A nossa guerra não deixou heróis, só vilões e vítimas"
    5:26

    Mundo

    Luaty Beirão é o rosto mais visível de um movimento de contestação ao regime angolano que começou em 2011, ano da Primavera árabe. Mas a par dos 15+2, mediatizados num processo que os condenou por lerem um livro, outros activistas arriscam diariamente a liberdade.