sicnot

Perfil

Cultura

David Lynch abandona nova série "Twin Peaks"

O realizador norte-americano desistiu de realizar nove novos episódios da série de culto que criou na década de 90. David Lynch alega que o dinheiro que lhe foi oferecido para escrever o guião "não é suficiente para o que é preciso fazer". 

© Andrew Kelly / Reuters

"Após um ano e quatro meses de negociações [com a Showtime] abandonei-as porque não foi oferecido dinheiro suficiente para escrever o guião da forma que eu acho que é necessário (...) Amo o mundo de Twin Peaks e desejava que as coisas tivessem corrido de outra forma", escreveu David Lynch domingo no  Facebook.

A nova série deveria ser escrita e produzida pela mesma dupla David Lynch e Mark Frost e filmada por Lynch durante 2015. 

"Este fim de semana comecei a contactar os atores para os avisar que não serei o realizador. 'Twin Peaks' continuará nas mãos da Showtime", garantiu. 

Numa declaração à  Variety, a Showtime confirmou que Lynch abandonou o projeto mas não informou se a nova série vai continuar sem ele.

Em outubro do ano passado, a Showtime revelava que os nove episódios da nova série "decorrem nos dias de hoje "continuando a tradição da série original e fornecem as respostas há muito desejadas pelos fãs".

A história de "Twin Peaks" centrava-se na investigação de um agente do FBI à morte de uma adolescente, Laura Palmer, na pequena cidade fictícia de Twin Peaks. Os segredos escondidos vão sendo a pouco e pouco revelados, a atmosfera peculiar de mistério e sobrenatural transformou a série num objeto de culto com uma legião de fãs.

As duas temporadas da série foram exibidas entre 1990 e 1991. Em 1992, Lynch realizou um filme prequela, "Os últimos sete dias de Laura Palmer".



  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Michelle Obama partilhou momento de despedida da Casa Branca
    1:43
  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Podem as plantas ver, ouvir e até reagir?

    Mundo

    Um professor de Ciências Vegetais da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, passou quatro décadas a investigar as relações entre vegetais e insetos. Na visão de Jack Schultz, as plantas são "como animais muito lentos", que conseguem ver, ouvir, cheirar e até têm comportamentos próprios.

  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.