sicnot

Perfil

Cultura

The Kooks, Anselmo Ralph e The Gift nas noites da Queima das Fitas de Coimbra

A banda inglesa The Kooks, o cantor angolano Anselmo Ralph e os portugueses The Gift são alguns dos cabeça de cartaz das noites da Queima das Fitas de Coimbra, que decorrem entre 8 e 15 de maio. 

LUSA

O cartaz da Queima das Fitas deste ano aposta "em bons nomes nacionais", mas também em alguns artistas estrangeiros, sendo um programa "equilibrado" entre os diferentes dias de concertos e o "mais heterogéneo possível em termos de estilos musicais", disse à agência Lusa André Gomes, secretário-geral da Queima das Fitas, à margem da apresentação do cartaz, realizada hoje no Fórum Coimbra.

As noites de concertos no Parque da Canção vão arrancar a 8 de maio com o cantor britânico James Arthur, que venceu o concurso televisivo The X Factor, em 2012, atuando também nesse dia o português Frankie Chavez.

No sábado, o palco fica reservado aos portugueses The Gift e ao músico Miguel Araújo, integrante da banda Os Azeitonas, e no domingo atua, como já é tradição, Quim Barreiros.

Já a 11 de maio, a Queima das Fitas recebe dois nomes do rap nacional, Sam The Kid e Dillaz, e, no dia seguinte, a música eletrónica irá dominar a noite, com o duo canadiano DVBBS e os portugueses Fucking Bastards e Dynamic Duo.

Na quarta e quinta-feira, os cabeça de cartaz são respetivamente a banda de punk rock Tara Perdida e o cantor angolano Anselmo Ralph, terminando as noites no Parque da Canção a 15 de maio, com os The Kooks e a banda portuguesa PAUS, que vai abrir para os ingleses de Brighton.

Segundo André Gomes, a banda britânica The Kooks "está a ter uma procura fora do normal", na venda de bilhetes "online".

A organização espera receber este ano cerca de "cem mil pessoas" no recinto - o mesmo que foi registado em 2014 -, referindo que este número depende também "do clima" durante as noites no Parque da Canção.

Para além da possibilidade de chuva, a crise e a abertura até tarde de estabelecimentos no Largo da Portagem podem ter impacto no número de entradas no "Queimódromo", sublinhou André Gomes, afirmando que, nesse sentido, a Queima das Fitas está "a fazer um esforço para não aumentar os preços" dos bilhetes.

O bilhete geral já foi vendido a 39 euros, hoje vai estar a 44 e o preço final do mesmo é de 49 euros.

Lusa

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC

  • Aberta nova frente de guerra no Iraque
    1:20

    Mundo

    Uma nova frente de guerra no Iraque está aberta. O exército de Bagdade combate as forças curdas e luta pelo controlo da província petrolífera de Kirkuk. Na origem da ofensiva está o referendo não reconhecido à independência do Curdistão.