sicnot

Perfil

Cultura

Câmara do Porto quer dar nova vida às antigas salas de cinema da cidade

 O vereador da Cultura da Câmara Municipal do Porto, Paulo Cunha e Silva, disse hoje que a autarquia tem um levantamento das antigas salas de cinema da cidade e que pretende definir um programa para as redinamizar.

(Arquivo)

Durante uma conferência de imprensa sobre o ciclo "Foco Rock", que vai decorrer esta semana no Rivoli, Paulo Cunha e Silva disse que foi aproveitada a tese do seu adjunto Guilherme Blanc sobre as salas de cinema antigas do Porto, com o propósito de "as reprogramar".

À Lusa, Cunha e Silva explicou que se trata de espaços como, por exemplo, o cinema Charlot, Foco, Nun'Álvares e até o Batalha e que, apesar de ainda não haver um calendário definido para que o projeto avance, a ideia pode ser a realização de uma sessão semanal num local diferente.

A Câmara do Porto tem já uma agenda do cinema independente na cidade, que lançou com o objetivo de se tornar num "mecanismo de visibilidade de projetos e, desejavelmente, de estímulo de públicos para as suas atividades".

Para além dos espaços que programam cinema no Porto como o Teatro do Campo Alegre, a Casa das Artes ou o Passos Manuel, a cidade, neste momento, só tem um conjunto de salas comerciais, localizado no centro comercial Dolce Vita, perto do Estádio do Dragão.

Lusa
  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.