sicnot

Perfil

Cultura

Slum Village e Sam The Kid juntam-se ao cartaz do Summer Fest em julho na Ericeira

O grupo norte-americano Slum Village e o português Sam The Kid juntam-se ao cartaz deste ano do festival Summer Fest, que decorre de 02 a 04 de julho, na Ericeira (Mafra), informou hoje a organização.

sumolsummerfest.com/cartaz.html

sumolsummerfest.com/cartaz.html

O grupo do músico português Sam The Kid, referência nacional de hip hop, e os americanos Slum Village, referência mundial daquele género de música, atuam no dia 04, revelou a organização em nota de imprensa.

Ambos juntam-se a Buraka Som Sistema, Cat Empire, Richie Campbell e Rudimental, que se destacam no cartaz do festival, que este ano espera duplicar o número de espetadores, 

São esperados este ano 40 mil espetadores durante os três dias do Sumol Summer Fest - 02 a 04 de julho -, duplicando os números das últimas edições.

"O cartaz evoluiu para acompanhar as tendências da moda, porque o nosso público não está só a ouvir reggae, mas outras sonoridades", explicou Carla Campos, da organização.

Depois de uma festa de receção no dia 02 de julho, Richie Campbell sobe ao palco no dia 03 e no dia 04 é a vez de Buraka Som, dos ingleses Rudimental e dos australianos The Cat Empire, além de Slum Village e Curadoria Sam the Kid.

Pela primeira vez, o festival recebe os portugueses Buraka Som Sistema. "Já tocámos em festivais muito diferentes, mas é uma questão de nos adaptarmos ao festival e às pessoas, porque conseguimos sempre transmitir-lhes a nossa energia", disse aos jornalistas Blaya, vocalista dos Buraka Som Sistema, quando da apresentação do festival.

Uma das novidades da sétima edição é a mudança da data, do último fim de semana de junho para o primeiro de julho, com o objetivo de "sair da altura de exames e do fim das aulas, que atrapalhavam o público", explicou a responsável.

O aumento da área do festival é outra das novidades. Além dos concertos à noite, no parque de campismo da Ericeira, o evento estende-se este ano para a praia de Ribeira d'Ilhas, conhecida mundialmente pelos surfistas, com música e outras atividades, durante o dia.

Os bilhetes estão à venda e custam 40 euros para cada dia, ou 65 euros, com passe para os dois principais dias do evento.

Lusa
  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.