sicnot

Perfil

Cultura

The Legendary Tiger Man inicia digressão em França com os Dead Combo

O músico português Paulo Furtado, The Legendary Tiger Man, inicia esta quarta-feira uma digressão em França, que o vai levar aos palcos de Saint-Etienne, Le Bleymard, Niort, Saint-Nazaire, Bordéus, Paris, Roubaix, Mulhouse, Saint-Quentin e Capdenac.

Francisco Seco

Os concertos arrancam em Saint-Etienne, na sala Le Fil, que vai apresentar os Dead Combo na mesma noite de quarta-feira. O duo português também vai acompanhar The Legendary Tiger Man nos concertos do Festival d'Olt, em Le Bleymard, na quinta-feira, e de Niort, na sexta-feira.

The Legendary Tiger Man continua na estrada para a promoção do sexto álbum de originais, "True", lançado em março do ano passado e apresentado dias depois em palcos franceses.

Paulo Furtado vai passar por Paris, a 20 de maio, para um concerto no espaço Petit Bain, com a digressão francesa a terminar a 24 de maio, no festival "L'Autre Festival", em Capdenac-Gare, no sul de França.

Há menos de uma semana, o músico esteve no México e tem programado para o mês de junho vários concertos em Espanha.

Paulo Furtado, vocalista e principal compositor dos WrayGunn, foi fundador da banda Tédio Boys, no final dos anos 1980, e lançou-se a solo em 2001 com o álbum "Naked Blues" (2001), ao qual se seguiram "Fuck Christmas, I got the blues" (2003), "In cold blood" (2004), "Masquerade" (2006) e "Femina" (2009). 

Lusa
  • Rui Vitória não espera facilidades frente ao Tondela
    1:34

    Desporto

    O líder do campeonato, o Benfica, recebe este domingo o último classificado, o Tondela. Na conferência de antevisão do encontro, Rui Vitória afirmou que não espera facilidades. O treinador do Benfica falou ainda de Sebastian Coates.

  • O primeiro dia de Donald Trump na Casa Branca
    3:05
  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.