sicnot

Perfil

Cultura

Cartazes da Coleção Lempert revelam artistas na Cultugest

Uma exposição com cartazes da Coleção Lempert, criados por artistas como Oswald Oberhuber, Lothar Baumgarten ou Franz West, é esta sexta-feira inaugurada, às 22:00, na Culturgest, em Lisboa, para revelar facetas menos conhecidas destes autores.

Quando a primeira mostra foi inaugurada, no ano passado, a Culturgest mostrou cerca de 600 cartazes da Coleção Lempert, que, ao todo, reúne 15.000 exemplares - "um segredo muito bem guardado" com que o curador Miguel Wandschneider se deparou em 2008. (Arquivo)

Quando a primeira mostra foi inaugurada, no ano passado, a Culturgest mostrou cerca de 600 cartazes da Coleção Lempert, que, ao todo, reúne 15.000 exemplares - "um segredo muito bem guardado" com que o curador Miguel Wandschneider se deparou em 2008. (Arquivo)

Culturgest

A exposição, intitulada "Honey, I rearranged the collection... by artist: Cartazes da Coleção Lempert" ("Querido, reorganizei a coleção por artista..."), com inauguração marcada para as 22:00, tem curadoria de Miguel Wandschneider.

A mostra, que dá seguimento a outra inaugurada em outubro de 2014, completa o primeiro capítulo de um projeto com cinco exposições em torno de cartazes de artista, que irá marcar a programação da Culturgest até 2019. 

Quando a primeira mostra foi inaugurada, no ano passado, a Culturgest mostrou cerca de 600 cartazes da Coleção Lempert, que, ao todo, reúne 15.000 exemplares - "um segredo muito bem guardado" com que o curador Miguel Wandschneider se deparou em 2008.

John Baldessari, Günter Brus, Martin Kippenberger, Reinhard Mucha, General Idea, Heimo Zobernig, Mike Kelley, AlbertOehlen e Christopher Wool são alguns dos artistas que o público poderá conhecer nesta segunda exposição, que fecha o primeiro capítulo do projeto.

Neste primeiro capítulo, são destacados os cartazes de vários artistas que a esse meio dedicaram especial atenção e, em 2017, em duas exposições consecutivas, os cartazes serão selecionados e organizados por tópico. 

Na primeira parte da exposição, que encerrou a 16 de março, estiveram patentes cartazes desenhados por artistas como Jean Dubuffet, Andy Warhol, Rauschenberg, Hamilton, Dieter Roth, Richard Tuttle, Arpad Darvas ou Gyorgy Kemeny, entre outros.

Na exposição final de 2019, os cartazes serão alinhados por ordem cronológica.
Lusa
  • As zonas de guerra que o fogo deixou
    3:13

    País

    A chuva finalmente ajudou na luta contra as chamas e o que fica agora é um cenário de devastação no norte e centro do país. Morreram 37 pessoas, arderam centenas de casas e empresas e há críticas severas à falta de meios.

  • O mapa das vítimas dos incêndios
    1:19

    País

    Aumentou para 37 o número de mortes na sequência dos fogos que assolaram a zona Centro do país desde o fim de semana. Feridos são pelo menos 71. Atualizamos aqui o mapa, segundo o último balanço da Proteção Civil.

  • Visto do céu, Portugal é um país que se vestiu de negro
    3:28
  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06