sicnot

Perfil

Cultura

Sensible Soccers e Laetitia Morais estreiam em palco espetáculo "Paulo"

Os portugueses Sensible Soccers e a artista visual Laetitia Morais juntaram-se para um espetáculo "de música mais ambiental e experimental, com uma componente forte de vídeo", que se estreará esta semana em Lisboa.

Sensible Soccers ao vivo

Sensible Soccers ao vivo

©Jaime Serôdio/ Sociedade Portuguesa Autores

Foi assim que o baixista do grupo, Emanuel Coelho, descreveu este concerto à agência Lusa, dias antes da estreia, marcada para quinta-feira, no Teatro Maria Matos (em Lisboa), seguindo-se apresentações na sexta-feira, no GNRation (Braga) e, a 30 de junho, no Teatro Municipal de Vila do Conde.

"Paulo" é o resultado de uma encomenda que estas três entidades fizeram aos Sensible Soccers em parceria com Laetitia Morais, pouco mais de um ano depois de o grupo ter editado o álbum "8".

"É um espectáculo que explora um bocadinho o lado mais ambiental da nossa criação musical, que temos feito mais em estúdio e menos ao vivo. É menos canção e mais experimental. E depois a Laetitia Morais foi uma escolha natural, porque tem uma estética visual com que nos identificamos", afirmou Emanuel Botelho.

Os Sensible Soccers são um quarteto instrumental, cuja sonoridade assenta em guitarra, baixo e sintetizadores, e pode associar-se às correntes do pós-rock, do kraut rock, de algum psicadelismo, da músical ambiental, embora o baixista admita que as conotações musicais sejam difíceis de fazer.

Tal como vários temas anteriores, também este espectáculo foi baptizado com um nome próprio. "Bom, tem que se dar um nome às coisas. Temos o hábito de usar nomes próprios, mas fica um bocado no limbo. Pode ser um objeto, uma personagem. Queremos que o público tenha a sua própria interpretação", disse Emanuel Coelho.

Em palco, a banda e a artista visual estarão numa espécie de diálogo entre imagem e música, e interpretando uma ideia de narrativa, explicou o músico a partir de Fornelo, pequena localidade de Vila do Conde onde o grupo ensaia e trabalha.

Dos Sensible Soccers fazem parte Emanuel Botelho (baixo), Filipe Azevedo (guitarra), Hugo Alfredo Gomes (teclados) e Manuel Justo (teclados e voz). Com uma média de idades a rondar os trinta, os quatro músicos vivem para a banda e geograficamente estão dispersos entre Vila do Conde, São João da Madeira e Coimbra.

Depois de terem feito mais de cem concertos desde 2011 - "o que é bastante para o nosso espectro musical", diz Emanuel Coelho - os Sensible Soccers não deverão dar mais concertos até ao final ano.

Editaram o álbum "8" (2014) e o EP "Sensible Soccers" (2011). 

Lusa
  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.