sicnot

Perfil

Cultura

Chineses da Fosun compram 25% do Cirque du Soleil

Um dos maiores investidores chineses em Portugal, o grupo Fosun, acrescentou esta segunda-feira mais uma conhecida marca global à sua carteira, o Cirque du Soleil. 

O Cirque du Soleil, fundado há 31 anos, já atuou em mais de 300 cidades de 50 países, e ao longo da história, atraiu cerca de 150 milhões de espetadores. (Arquivo)

O Cirque du Soleil, fundado há 31 anos, já atuou em mais de 300 cidades de 50 países, e ao longo da história, atraiu cerca de 150 milhões de espetadores. (Arquivo)

© Luke MacGregor / Reuters

O presidente do Grupo Fosun, Guo Guangchang, descreveu a aquisição de 25% da daquela companhia canadiana como "um marco" do desenvolvimento do grupo no domínio do entretenimento cultural".

Considerado um dos mais lucrativos consórcios privados chineses, o Fosun já é também proprietário do Club Méditerranée e este ano comprou uma participação na agência de viagens britânica Thomas Cook.

Estas aquisições ilustram, segundo Guo Guangchang, o empenho do Grupo Fosun em criar "uma indústria que proporcione um estilo de vida mais feliz", nomeadamente à emergente classe média chinesa.

O Cirque du Soleil, fundado há 31 anos, já atuou em mais de 300 cidades de 50 países, e ao longo da história, atraiu cerca de 150 milhões de espetadores, salientou o presidente da companhia, Daniel Lamarre, ao assinar hoje uma "parceria estratégica" com o grupo Fosun.

"A China era a peça que faltava ao Cirque du Soleil", disse Lamarre.

O Grupo Fosun é um dos candidatos à compra do Novo Banco, o que a concretizar-se será o seu terceiro grande investimento em Portugal.

Aquele consórcio chines já detém cerca de 85% da companhia de seguros Fidelidade e comprou também a empresa Luz-Saúde.
Lusa
  • Carlos Costa diz que são sete os candidatos à compra do Novo Banco
    0:51

    Economia

    O governador do Banco de Portugal diz que são sete os candidatos que estão na corrida à compra do Novo Banco. Carlos Costa não divulgou os nomes, mas já se conhecem, pelo menos quatro: o Santander, o BPI, os chineses da Fosun e o fundo americano Apollo. No Parlamento, onde está a ser ouvido, afirmou que o Banco de Portugal está a analisar as propostas apresentadas para decidir quem passa à fase seguinte do negócio.

  • Cirque du Soleil de novo em Portugal
    3:31

    Cartaz

    O Cirque du Soleil apresenta pela primeira vez, em Portugal, "Dralion". A companhia, que reúne artistas de várias nacionalidades, apresenta-se no MEO Arena em Lisboa, a partir desta quarta-feira, 1 de janeiro. A SIC assistiu ao espetáculo, em Barcelona, em Espanha.

  • SAD do Benfica duplica lucros

    Desporto

    O Benfica fechou a época passada com lucros de 44,5 milhões de euros, mais do dobro do registado na época anterior. São os mais elevados de que há registo.

  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22