sicnot

Perfil

Cultura

Patti Smith apresenta álbum "Horses" em setembro em Lisboa

A cantora e poetisa norte-americana Patti Smith vai regressar este ano a Portugal para apresentar ao vivo o álbum "Horses", de 1975, a 21 de setembro no Coliseu de Lisboa, anunciou hoje a promotora.

Matt Sayles

Patti Smith mostrou este mesmo espectáculo em junho no festival Primavera Sound, no Porto, regressando agora para um concerto em sala fechada. Além de "Horses", o álbum de estreia, a compositora recordará outros temas emblemáticos da carreira.

Apelidada de "madrinha do punk", Patti Smith, 68 anos, é artista visual, poetisa, ativista e compositora, tendo entrado na música na década de 1970, no fervilhante ambiente cultural e artístico de Nova Iorque, onde se cruzou com nomes como Jimi Hendrix, Andy Warhol, Allen Ginsberg e Janis Joplin.

Embora a sua ambição inicial fosse dedicar-se à escrita, como conta no livro de memórias "Apenas miúdos", Patti Smith acabou por se tornar mais conhecida através da música. Ainda antes de completar trinta anos, lançou "Horses", em 1975, que é considerado um dos álbuns marcantes do início do movimento punk em Nova Iorque.

Se for semelhante ao que fez no Porto, onde deu dois concertos que acabaram por ser de celebração entre músicos e público, em setembro Patti Smith tocará na íntegra o álbum "Horses", que inclui os temas "Gloria", "Free money" e "Elegie", ao qual adicionará os temas "Because the night", escrito em 1978 com Bruce Springsteen, e "People have de power", de 1988, feito em parceria com Fred "Sonic" Smith.

Além de "Apenas miúdos", premiado livro no qual recorda a relação com o fotógrafo Robert Mapplethorpe, Patti Smith tem editados em Portugal "O mar de coral" (não edições), "Ha! Ha! Houdini" (&etc) e "Witt" (Assírio & Alvim).

Patti Smith editará no outono um novo livro de memórias, intitulado "M Train", no qual recorda alguns dos momentos mais importante da vida dela, incluindo o tempo em que viveu em Michigan com o marido, Fred 'Sonic' Smith, que morreu em 1994.

O livro deverá ser editado em 2016 pela Quetzal, a editora de "Apenas miúdos".

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Donald Trump culpa imigrantes por ataque que nunca existiu
    1:01
  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.