sicnot

Perfil

Cultura

Jovem encontra fotos do primeiro concerto dos Nirvana num livro do pai

Uma adolescente norte-americana encontrou umas fotografias antigas do pai a tocar com Kurt Cobain mas nem se apercebeu do significado daquelas imagens. Até que as publicou no Twitter.

Maggie Poukkula

Maggie Poukkula

Maggie Poukkula

Maggie Poukkula, de 19 anos, publicou as fotos no Twitter na semana passada com a legenda "o meu pai e Kurt Cobain noutros tempos".

O pai, Tony Poukkula, organizou um concerto na cave de casa em Raymond, Washington, na Primavera de 1987. Conhecia Kurt Cobain desde a infância e juntou-se aos Nirvana - Cobain, Krist Novoselic e o baterista Aaron Burckhard - para tocarem versões de músicas do Led Zeppelin.

"Não fazia ideia de que eram [fotos] do primeiro concerto dos Nirvana", confessou Maggie Poukkula entrevistada pela Rolling Stone. "O meu pai já me tinha mostrado há uns tempos, mas nunca explicou sobre o que eram. Só descobri por causa das notícias. Nem me apercebi que eram históricas. Pensei que eram apenas umas imagens giras do meu pai e Kurt a tocarem juntos".

Após ter publicado as fotos no Twitter, tornaram-se virais num instante. E a adolescente é agora solicitada para entrevistas para revistas da especialidade como a Rolling Stone ou para a generalista e conceituada Time.

  • Morreu Miguel Beleza, antigo ministro das Finanças e governador do BdP
    1:34
  • "Estamos a ficar sem espaço. Está na hora de explorar outros sistemas solares"

    Mundo

    O físico e cientista britânico Stephen Hawking revelou alguns dos seus desejos para um novo plano de expansão espacial. Hawking está em Trondheim, na Noruega, para participar no Starmus Festival que promove a cultura científica. E foi lá que o físico admitiu que a população mundial está a ficar sem espaço na Terra e que "os únicos lugares disponíveis para irmos estão noutros planetas, noutros universos".

    SIC

  • Não posso usar calções... visto saias

    Mundo

    Perante a proibição de usar calções no emprego, um grupo de motoristas franceses adotou uma nova moda para combater o calor. Os trabalhadores decidiram trocar as calças por saias, visto que a peça de roupa é permitida no uniforme da empresa para a qual trabalham.

  • De refugiada a modelo: a história de Mari Malek

    Mundo

    Mari Malek chegou aos Estados Unidos da América quando era ainda uma criança. Chegada do Sudão do Sul, a menina era uma refugiada à procura de um futuro melhor, num país que não era o seu. Agora, anos depois, Mari Malek é modelo, DJ e atriz, e vive em Nova Iorque. Fundou uma organização sediada no país onde nasceu voltada para as crianças que passam por dificuldade, como também ela passou.