sicnot

Perfil

Cultura

One Direction: separação à vista?

Os membros da banda inglesa One Direction decidiram separar-se, escreve o jornal britânico The Sun. Querem dedicar-se a projetos a solo e daqui a um ano, logo se vê. Mas o porta-voz da banda não comenta o que classifica de "especulação".

© Mario Anzuoni / Reuters

© Eric Gaillard / Reuters

© L.E. Baskow / Reuters

© Danny Moloshok / Reuters

© Danny Moloshok / Reuters

A notícia saiu ontem no jornal britânico "The Sun" e foi replicada: os One Direction vão parar um ano para que os seus elementos possam trabalhar em projetos individuais.

A banda não confirma, nem desmente. Chama-lhe "especulação".

Mas há mais. Escreve o jornal que os One Direction não vão fazer a tournée de lançamento do último álbum, que será lançado no final deste ano, e o último concerto está agendado para dia 31 de outubro na Motorpoint Arena, na cidade inglesa de Sheffield.

Não há digressão mas estarão previstas aparições públicas da banda até março de 2016, em programas de televisão e apresentações especiais para promover o quinto e, quem sabe, o último do quarteto.

Escreve a imprensa da especialidade que os quatro elementos restantes, depois da saída de Zayn Malik este ano, já conversaram e chegaram a um consenso para estabelecer a pausa.

Mas o que muitos "especulam" é que essa pausa servirá para por um ponto final na banda.

Os One Direction nasceram no programa de talentos exibido na televisão, o Fator X, ou X Factor em inglês. Um dos jurados do programa, o conhecido Simon Cowell foi quem teve a brilhante ideia de juntar os cinco adolescentes, Louis Tomlinson, Harry Styles, Liam Payne, Niall Horan e Zayn Malik.

Já lá vão cinco anos e 50 milhões de cópias vendidas, segundo o The Sun que escreve ainda que cada elemento do quarteto arrecadou, com discos, concerto, merchandising, etc., cerca de 34 milhões de euros.

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • O perfil dos novos ministros
    3:22

    País

    Pedro Siza Vieira e Eduardo Cabrita são os dois novos ministros que tomam posse no próximo sábado. Ambos têm uma particularidade: são amigos de longa data do primeiro-ministro António Costa.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • Fogos na Califórnia provocaram 42 mortos e perdas acima de mil milhões de dólares

    Mundo

    O comissário dos seguros da Califórnia afirmou esta quinta-feira que as perdas provocadas pelos incêndios que dizimaram extensas áreas deste Estado norte-americano excedem os mil milhões de dólares (844 milhões de euros). Estes incêndios, que começaram no condado de Sonoma County, já provocaram a morte a 42 pessoas no mês de outubro.

  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC