sicnot

Perfil

Cultura

"Hamlet" de Shakespeare no palco do Teatro do Bairro Alto a partir de sexta-feira

A peça "Hamlet" de William Shakespeare, traduzida por Sophia de Mello Breyner, vai estar no palco do Teatro do Bairro Alto a partir de sexta-feira, numa coprodução Teatro da Cornucópia e da Companhia de Teatro de Almada.

MANUEL DE ALMEIDA

A peça estreou no Festival de Almada em julho deste ano e vai estar em cena em Lisboa até 17 de outubro.

"O que faz a tragédia aqui é o acompanhamento pelo espetador, de monólogo em monólogo, do trajeto mental de um indivíduo que não consegue ser adulto, enfrentar o mundo, agir, (...) um jovem maldito pela identidade e pelos valores que herdou: ser príncipe. Ser superior", descreve Luís Miguel Cintra num texto sobre o personagem principal da peça.

O ator e encenador sublinha ainda: "Em termos muito simples, oxalá este espetáculo traga pelo menos, a quem o vir, uma leitura cuidadosa, detalhada, de um texto absolutamente genial, que toda a gente julga conhecer, mas que no fundo ninguém conhece. Mas que para a formação de qualquer pensamento adulto é indispensável".

Luís Miguel Cintra, Prémio Pessoa 2005, sublinha ainda que "é de aproveitar uma circunstância em que ainda se representa toda a peça. Essa liberdade vai acabar porque o Tempo mudou. Não fugiram só as vaidades, no fim. Brincando com as palavras (...) apetece dizer que agora os relógios tendem a proibir as verdades. E a deixar passar só vaidades".

Com encenação de Luis Miguel Cintra, "Hamlet" tem cenário e figurinos de Cristina Reis e interpretação de Alberto Quaresma, Bernardo Souto, Dinis Gomes, Duarte Guimarães, Guilherme Gomes, Isac Graça, João Reixa, José Manuel Mendes.

Luís Lima Barreto, Luís Madureira, Luis Miguel Cintra, Marques D'Arede, Nídia Roque, Rita Cabaço, Silvio Vieira, Teresa Gafeira e Tiago Matias integram ainda o elenco.

Lusa

  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.