sicnot

Perfil

Cultura

Causa da morte da filha de Whitney Houston vai permanecer desconhecida

É assunto "classificado" por decisão judicial. Os resultados da autópsia da filha de Whitney Houston e Bobby Brown, que morreu em julho deste ano, após seis meses em coma, vão permanecer longe do conhecimento público.

© Fred Prouser / Reuters

As causas da morte de Bobbi Kristina Brown já foram encontradas, mas não vão ser reveladas.

Em comunicado, a entidade responsável pelo exame de medicina legal, do condado de Fluton, em Atlanta, esclarece que os resultados da autópsia não vão ser tornados públicos por decisão do Supremo Tribunal.

"O resultado da autópsia é confidencial quer no que respeita à causa, quer na forma como ocorreu a morte de Bobbi Kristina Brown".

Bobbi Kristina Brown era a única filha de Whitney Houston e Bobby Brown.

Morreu no domingo dia 26 de julho, aos 22 anos. Esteve em coma quase seis meses em coma depois de ter sido encontrada, no início do ano, inconsciente na banheira da sua casa na Geórgia, nos EUA.

Na altura as autoridades admitiram que seria um «desafio» determinar o que aconteceu com Bobbi Kristina devido ao tempo entre o incidente na banheira.

A filha de Whitney Houston foi encontrada de bruços na água pelo namorado, Nick Gordon, e um amigo a 31 de janeiro.

Desconhecem-se, para já, os motivos que levaram o tribunal a decidir não revelar as causas da morte de Bobbi Kristina.

Recorde-se que também Whitney Houston, mãe de Bobbi Kristina, foi encontrada submersa na banheira, em fevereiro de 2012, num hotel de Los Angeles, mas em vida.

  • "Tudo o que o Benfica está a fazer é uma forma de coação"
    1:59
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    As queixas do Benfica contra a Federação Portuguesa de Futebol e a Liga foram tema de debate no Play-Off da SIC Notícias. Rodolfo Reis, Manuel Fernandes e Rui Santos acreditam que a posição está relacionada com o clássico Benfica-Porto do próximo sábado. Já João Alves considera que estes comunicados podem prejudicar o Benfica.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41
  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.