sicnot

Perfil

Cultura

Atriz Meryl Streep presidirá em fevereiro ao júri do festival de Berlim

A atriz norte-americana Meryl Streep vai presidir ao júri do Festival de Cinema de Berlim, em fevereiro, anunciou hoje a organização.

Grant Pollard

Meryl Streep é "uma das artistas mais criativas e multifacetadas do cinema", afirmou o diretor da Berlinale, Dieter Kossklich, para justificar a escolha.

A atriz, de 66 anos, que regressa a Berlim depois ter recebido em 2012 o Urso de Ouro pelo conjunto da carreira, afirmou também em comunicado que sente já o peso da responsabilidade porque nunca presidiu a um júri de cinema.

Em 2003 Meryl Streep recebeu em Berlim o Urso de Prata, de melhor representação, ex-aequo com as atrizes Julianne Moore e Nicole Kidman, por causa do filme "As horas".

A 66ª edição do Festival de Berlim decorrerá de 11 a 21 de fevereiro.

Meryl Streep é uma das mais acarinhadas e versáteis atrizes do cinema norte-americano, tendo sido nomeada 19 vezes para os Óscares, tendo conquistado o galardão em três ocasiões.

Este ano o júri do festival de Berlim, que decide as escolhas para os principais prémios, foi presidido pelos irmãos Ethan e Joel Coen.

Lusa

  • "Se me pergunta se estou de consciência tranquila, estou"
    2:13

    País

    O ministro Vieira da Silva assegura que aguarda com tranquilidade que a investigação em curso esclareça as alegadas irregularidades na associação Raríssimas. Alguns mecenas estão já a suspender o apoio, na sequência do escândalo que já levou a duas demissões. 

  • Novo regime dos recibos verdes "acaba com as injustiças dos escalões"
    1:10
  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.