sicnot

Perfil

Cultura

Dois concertos em Lisboa para apoiar refugiados

A Fundação Calouste Gulbenkian (FCG) e o espaço Music Box promovem hoje dois concertos, em Lisboa, para angariação de fundos destinados à Plataforma de Apoio aos Refugiados (PAR).

Na Gulbenkian, o concerto realiza-se no Grande Auditório, a lotação encontra-se esgotada, e o solista, o músico russo Pavel Gomziakov, vai interpretar o Concerto para violoncelo em Dó Maior, de Joseph Haydn, e a 2.ª Suite para violoncelo solo, de Johann Sebastian Bach, no violoncelo Stradivarius Chevillars, com 290 anos, classificado como tesouro nacional.

Este violoncelo é uma das jóias da coroa do espólio do Museu da Música, pertenceu ao rei D. Luís I (1838-1889) e é o único instrumento em Portugal com a assinatura do construtor António Stradivari (1644-1737).

No Music Box realiza-se uma festa solidária de boas vindas aos refugiados, com atuações dos For the Glory, Easyway, Viralata, xGAEAx, Artigo 21, Shape e F.P.M.

A iniciativa conta com a participação de Shahd Wadi, ativista dos direitos humanos e do povo palestiniano e membro do Comité de Solidariedade com a Palestina, e de Rodrigo Rivera, do SOS Racismo.

Estes dois concertos antecipam em uma semana a iniciativa "Portugal solidário", que contempla a realização em simultâneo de dez concertos, em dez cidades portuguesa, com a receita das bilheteiras a reverter, na totalidade, para dois organismos que apoiam refugiados - a PAR e ao Conselho Português para os Refugiados (CPR).

No dia 25, no Porto, dois outros concertos juntam-se ao movimento, com a Casa da Música a mobilizar a orquestra e o coro residente e o Hard Club Porto, a contar com os Blind Zero, Helena Sarmento e Mundo Secreto, para "bomPorto -- concerto pelos refugiados".

Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.