sicnot

Perfil

Cultura

Justin Bieber domina prémios MTV Europe

O cantor canadiano Justin Bieber dominou os prémios de música MTV Europe 2015, atribuídos no domingo, ao vencer nas categorias de melhor artista masculino, melhor colaboração e melhor visual.

© Alessandro Garofalo / Reuters

Bieber venceu ainda nas categorias "Wordwide act: América do Norte" e maiores fãs, adiantou a organização numa nota de imprensa.

Os vencedores da edição deste ano dos MTV Europe foram anunciados num espetáculo em Milão, Itália.

Justin Bieber venceu, pela sexta vez consecutiva, o prémio de melhor artista masculino. A sua colaboração com Skrillex e Diplo, em "Where are you now", valeu-lhe o galardão da categoria de colaboração.

Tylor Swift, a intérprete que estava nomeada para mais categorias, apenas foi contemplada com o prémio para melhor canção, com "Bad Blood".

Rihanna, por sua vez, venceu na categoria de melhor artista feminina.

O prémio MTV Europe para melhor vídeo foi para o dueto de hip-hop norte-americano Macklemore e Ryan Lewis, por "Downtown".

O vencedor nesta categoria é determinado pela equipa editorial do canal televisivo, ao passo que na maioria das restantes categorias é decidido pelo voto dos fãs.

A banda britânica One Direction venceu na categoria de melhor artista pop, enquanto a "rapper" Nicki Minaj na de artista hip-hop, repetindo a proeza conquistada nos prémios MTV de Los Angeles, nos Estados Unidos, em agosto.

O prémio melhor artista ao vivo foi para o cantor britânico Ed Sheeran, enquanto o de artista revelação para Shawn Mendes, que também arrecadou o de melhor artista push.

Os Coldplay venceram na categoria de melhor grupo rock e Lana Del Rey na de melhor grupo alternativo. Os Duran Duran foram homenageados com o novo prémio MTV Video Visionary, que distingue os artistas pioneiros nos 'videoclips'.

O MTV Europe para melhor artista de eletrónica seguiu para o DJ holandês Martin Garrix.

Já o prémio de melhor artista europeu foi para o cantor italiano Marco Mengoni, enquanto o de melhor artista latino-americano para a cantora pop brasileira Anitta.

Lusa

  • Coreia do Norte foi "isolada à força"

    Mundo

    O empresário espanhol León Smit, que organiza visitas à Coreia do Norte, diz que o país foi "isolado à força", sendo "muito difícil" estabelecer relações comerciais com Pyongyang, sob o regime de Kim Jong-un.

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite