sicnot

Perfil

Cultura

Roman Polanski não será extraditado para os EUA após caso de abuso de menor

Roman Polanski não será extraditado para os EUA após caso de abuso de menor

O realizador de cinema Roman Polanski mostrou-se esta sexta-feira muito feliz com a decisão da Justiça polaca de não o extraditar para os Estados Unidos. O tribunal de Cracóvia considerou que as autoridades norte-americanas violaram, de forma grave, as regras de um julgamento imparcial, no caso que resultou na condenação de Polanski por abuso sexual de uma menor, há quase 40 anos, na Califórnia. Na altura, depois de 42 dias detido, Polanski saiu sob caução e fugiu dos Estados Unidos. Agora, aos 82 anos, diz que o pesadelo finalmente acabou.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.