sicnot

Perfil

Cultura

Descoberto e restaurado filme de animação dos estúdios Disney de 1928

Um filme de animação dos estúdios Disney, de 1928, que tinha sido dado como perdido, foi descoberto no Reino Unido e será exibido, numa versão restaurada, em dezembro em Londres.

1928 - Estreia-se, em Nova Iorque, o primeiro filme animado sonoro "Steamboat Willie", com Mickey Mouse, de Walt Disney.

1928 - Estreia-se, em Nova Iorque, o primeiro filme animado sonoro "Steamboat Willie", com Mickey Mouse, de Walt Disney.

AP

"Sleigh Bells", com seis minutos de duração, apresenta Oswald the Lucky Rabbit, personagem antecessora e muito semelhante a Mickey Mouse, mas com umas orelhas mais compridas e uma personalidade mais "traquina e rebelde".

De acordo com o Instituto do Cinema do Reino Unido, o filme foi encontrado nos arquivos da cinemateca britânica, foi restaurado em parceria com os estúdios de animação Walt Disney e será exibido pela primeira vez, ao fim de 87 anos, a 12 de dezembro em Londres.

Citado pela imprensa britânica, Robin Baker, programador do instituto britânico, afirmou que este curto filme poderá mostrar a novos públicos a "vitalidade e a imaginação" das criações de Walt Disney ainda durante o época do cinema mudo.

O presidente dos estúdios Walt Disney, Andrew Millstein, já fez saber que poderão existir mais filmes, há muito dados como desaparecidos ou perdidos, à espera de serem redescobertos.

"Sleigh Bells" foi descoberto por um investigador que pesquisava no catálogo do Instituto de Cinema Britânico disponível na internet, e considerado uma das maiores coleções fílmicas do mundo.

  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
  • Dijsselbloem não comenta hipótese de ser substituído por Mário Centeno
    2:41

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Mário Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas não comenta a sondagem que foi feita ao ministro das Finanças português. Ouvido esta quinta-feira no Parlamento Europeu, o Presidente do Eurogrupo esteve no centro das críticas e reafirmou que não se demite.