sicnot

Perfil

Cultura

Festival Vodafone Mexefest com concertos em mais de 10 espaços de Lisboa

O festival Vodafone Mexefest, em Lisboa, com um cartaz de concertos concentrados nos dias 27 e 28, contará com mais três espaços, o Teatro Tivoli, o Tanque e a terceira sala do cinema São Jorge, anunciou hoje a organização.

O festival que obriga o espectador a criar roteiros e percursos de concertos, no eixo Avenida da Liberdade-Baixa, contará com artistas internacionais como Benjamin Clementine, Ariel Pink, Bombino, Patrick Watson ou Peaches, mas dá destaque também à música portuguesa.

Entre os artistas portugueses convocados estão o guitarrista Tó Trips, os They're Heading West, os Best Youth, os Beautify Junkyards, os Flamingos, a cantora Márcia, o músico Benjamim, os Glockenwise e a artista Da Chick.

Há ainda vários nomes do Brasil, com os Do Amor, o músico Castello Branco, as artistas Mahmundi e Karol Conka e a dupla de DJ Tropkillaz.

Para esta edição, o festival volta a ter o Teatro Tivoli - que era um dos pontos centrais do Mexefest -, aos quais se junta pela primeira vez o Tanque, nova sala de espectáculos na antiga piscina do Atneu Comercial.

A terceira sala do cinema São Jorge também estará este ano ocupada, com concertos que acontecerão às escuras, "apelando a uma experiência puramente sensorial". Os artistas desta sala ainda não foram anunciados.

O Mexefest passará também pelo Coliseu dos Recreios, pelo Palácio Foz, a Igreja de São Luís dos Franceses e pela Sociedade Portuguesa de Geografia, palcos de edições anteriores.

O festival contará ainda com um mercado de música independente, que reunirá mais de duas dezenas de editoras portuguesas independentes no Picadeiro Real, do Museu Nacional de História Natural e da Ciência.

O bilhete para o Mexefest é um passe único que deverá ser trocado por uma pulseira, que dá acesso a todos os concertos, mediante a capacidade da sala.

Toda a programação pode ser consultada em www.vodafonemexefest.com.

Lusa

  • "Temos de jogar melhor do que frente à Espanha"
    0:45
  • Ronaldo é o jogador que mais preocupa os marroquinos
    2:35
  • Recorda-se de Tahar? O ex-futebolista marroquino que já jogou em Portugal
    6:10
  • "Somos 11 milhões, queremos ser campeões e as russas são grandes canhões"
    3:54
  • Denis Cheryshev: o orgulho dos anfitriões

    Mundial 2018 / Rússia

    O avançado Denis Cheryshev foi eleito o Homem do Jogo entre Rússia e Egito, que os russos venceram por 3-1. Marcou o segundo golo dos anfitriões, o terceiro em nome próprio no Mundial e juntou-se a Cristiano Ronaldo no topo da lista de melhores marcadores. Aos 27 anos e a jogar o primeiro Mundial da carreira, Cheryshev continua a assumir-se como um dos principais rostos da esperança russa para o sucesso desta campanha. Depois de já ter sido o melhor em campo no triunfo sobre a Arábia Saudita, a nação anfitriã vê-o como uma espécie de porta-estandarte do orgulho russo na defesa da pátria.

  • Gato Achilles acerta no resultado do Rússia-Egito

    Desporto

    O gato Achilles é o adivinho dos jogos do Mundial na Rússia. Depois de ter acertado na vitória da Rússia frente à Arábia Saudita, o felino voltou a apostar na equipa certa, com os russos a vencerem esta terça-feira o Egipto por 3-1.

  • Os momentos que marcaram o 6.º dia de Mundial
    0:58
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O espetáculo fora das quatro linhas
    2:30
  • "Quando o Cristiano Ronaldo te convidar para almoçar, recusa"

    Desporto

    Na possibilidade de ser convidado por Cristiano Ronaldo para um almoço ou jantar, recuse. Este é o conselho de Patrice Evra, que revelou o "sofrimento" que passou quando aceitou almoçar em casa do capitão da seleção nacional, na altura em que ambos jogavam pelo Manchester United. O jogador francês falou sobre a comida "demasiado saudável" e o exercício que acabou por ter de fazer, enquanto podia estar a descansar.

    SIC

  • "Quero ir com a minha tia", o desespero das crianças afastadas dos pais nos EUA
    2:11

    Mundo

    A nova política de imigração de Donald Trump está a suscitar reações indignadas. Na fronteira com o México, as crianças refugiadas estão a ser retiradas à força aos pais e levadas para centros de acolhimento. Esta terça-feira, foi divulgado um registo áudio de uma criança a suplicar pelos pais a um dos agentes da polícia fronteiriça.

  • Protecionismo de Trump abala Wall Street

    Economia

    Abalada pela exacerbação das disputas comerciais entre os EUA e a China, a bolsa nova-iorquina encerrou esta terça-feira em baixa, com o seletivo Dow Jones a fechar em queda pela sexta sessão consecutiva.