sicnot

Perfil

Cultura

Sindicato da polícia norte-americana ameaça apelar a boicote ao novo filme de Tarantino

O principal sindicato da polícia dos Estados Unidos diz que está a preparar uma "surpresa" para responder às críticas do realizador Quentin Tarantino. O presidente do sindicato ameaçou Tarantino com um boicote ao mais recente filme, "Os oito odiosos", com estreia marcada, nos Estados Unidos, para o dia de Natal.

Tarantino esclareceu que não odeia os polícias, apenas participou num evento contra a violência policial. (Arquivo)

Tarantino esclareceu que não odeia os polícias, apenas participou num evento contra a violência policial. (Arquivo)

© Mario Anzuoni / Reuters

O cineasta está envolvido numa polémica que começou o mês passado, quando participou numa manifestação em Nova Iorque. No protesto, chamou assassinos a agentes das forças da autoridade.

Entretanto, Tarantino esclareceu que não odeia os polícias, apenas participou num evento contra a violência policial.

  • Fogo em Setúbal dominado
    2:31

    País

    O incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal está dominado. As chamas chegaram a ameaçar as casas, o que obrigou à retirada de cerca de 500 pessoas das habitações, como medida de precaução. Também o Hotel do Sado teve de ser evacuado.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.