sicnot

Perfil

Cultura

Armas usadas na PIDE e pistola como a de Hitler integram exposição no Porto

Uma pistola Luger do rei Manuel II, uma Liliput dourada igual à que possuía o ditador Adolf Hitler ou armas utilizadas pela PIDE e na II Guerra Mundial integram uma exposição inaugurada hoje na PSP do Porto.

ADAM WARZAWA

A exposição de armas antigas - séculos XIX e XX -- foi hoje de manhã inaugurada no Edifício Aljube, no Comando da PSP do Porto, tem cerca de 200 relíquias e a organização do espólio coube ao Departamento de Armas e Explosivos daquela polícia, explicou à Lusa o subcomissário Paulo Barros, acrescentando que a mostra fica patente até dia 18 de novembro.

Em entrevista à Lusa, o subcomissário Paulo Barros explicou que na exposição há armas usadas nas grandes guerras mundiais, armas como as utilizadas pelos 'gangsters' americanos do tempo da Lei Seca, mas também armas do tempo da Monarquia e que estavam atribuídas a membros da PIDE - Polícia Internacional e de Defesa do Estado, durante o período de ditadura em Portugal do Estado Novo.

Questionado pela Lusa sobre a proveniência de todas estas armas, o subcomissário Paulo Barros explicou que muitas delas fazem parte do depósito da PSP, a entidade com competência exclusiva de dar o destino às armas após as decisões judiciais.

Também há armas provenientes de decisões dos processos judiciais, de processos de contraordenação, entregas voluntárias de pessoas e de familiares de detentores que entretanto morreram.

Paulo Barros explica que a mostra tem uma preocupação de preservar "memória", "valor artístico" e "valor museológico" e daí a seleção passar, por exemplo, por uma pistola semiautomática Luger "adquirida pela Monarquia e apresentada à Coroa do rei D. Manuel II, em 1906", conforme consta da etiqueta anexa.

"Às vezes é a própria história daquela arma particular que encerra também uma história particular e portanto temos essa preocupação", concluiu.

A exposição, que é aberta ao público em geral e é gratuita, decorre em paralelo com 'workshops' sobre a segurança das armas e com um leilão de armas que reúne revólveres apreendidos pela PSP em operações policiais, mas também fruto de entregas voluntárias.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.