sicnot

Perfil

Cultura

Carta manuscrita assinada por Eça de Queiroz vai a leilão em Lisboa

Uma carta manuscrita e assinada pelo escritor Eça de Queiroz (1845-1900) vai ser apresentada em Lisboa, num leilão 'online', entre sábado e 26 de novembro, organizado pelo Palácio do Correio Velho.

A carta e um manuscrito original, de um fragmento de uma primeira fase do livro "Primo Basílio", ambos com base de licitação de 400 euros, fazem parte os 600 lotes do leilão da biblioteca do médico e cientista Lopo Cancella de Abreu, segundo a leiloeira.

A biblioteca, que agora vai a leilão, tem como principais núcleos temáticos livros sobre Direito e Legislação dos séculos XVI ao XIX, contendo as clássicas e principais obras dos grandes legisladores portugueses dos séculos XVII e XVIII.

Também reúne obras da literatura portuguesa, sobretudo com livros de Eça de Queiroz e algumas raras peças de memorabilia sobre o autor de "Os Maias", além de uma colecção de livros de arte portuguesa e estrangeira.

Médico e cientista português nascido na Guarda, em 1913, e falecido na Parede, em 1990, Cancella de Abreu foi doutorado em Medicina pela Universidade de Lisboa, tendo-se depois especializado em pneumotisiologia em Roma.

Considerado internacionalmente como um grande especialista em tuberculose, fundou a Clínica Hélio - Marítima, na Parede, foi deputado à Assembleia Nacional e Ministro da Saúde e Assistência no primeiro governo de Marcello Caetano, de 1968 a 1970.

Em 1970, foi condecorado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique e foi-lhe conferido o grau de comendador em 1984.

A exposição dos livros vai estar patente ao público no Palácio do Correio Velho, em Lisboa, na sexta-feira, das 10:00 às 13:30, e das 14:30 às 19:00, repetindo-se nos dias 23, 24, 25 e 26, no mesmo horário, para o público manusear e consultar os livros desta biblioteca.

Lusa

  • Drone inglês evita execução do Daesh na Síria
    2:08

    Mundo

    A Força Aérea britânica divulgou esta terça-feira um vídeo que mostra um drone a parar uma execução pública que estaria prestes a acontecer às mãos do Daesh, na Síria. As imagens, apesar de cortadas pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, mostram várias pessoas na rua, uma explosão e, depois, a fuga.

  • Atrás das Câmaras em Fátima
    2:48
  • PS quer reconquistar poder em Vila Viçosa
    2:06

    Autárquicas 2017

    Ana Catarina Mendes insistiu na ideia de que o PSD escolheu um modo perigoso de fazer campanha, ao insistir nas críticas à lei da imigração. Ana Catarina Mendes, secretária-geral adjunta do PS, esteve esta quarta-feira em campanha no distrito de Évora.

  • Troca de argumentos entre Medina e Cristas marca campanha em Lisboa
    2:34

    Autárquicas 2017

    Esta quarta-feira o dia de campanha em Lisboa ficou marcado por uma troca de argumentos entre Fernando Medina e Assunção Cristas. O atual presidente da Câmara acusa a candidata do CDS de não respeitar os lisboetas por admitir que pode não exercer o cargo de vereadora até ao fim do mandato. Já Assunção Cristas garante que se for eleita cumpre o mandato até ao fim.

  • Furacão Maria já causou pelo menos nove mortes

    Mundo

    O furacão Maria já causou pelo menos nove mortos durante a sua passagem pelas Antilhas Menores, tendo baixando para uma tempestade de grau três depois de atravessar Porto Rico, segundo as autoridades.

  • Como mudar um templo com 135 anos e 2 mil toneladas... de lugar

    Mundo

    Um templo budista do século XIX é um dos mais populares em Xangai, na China. Visitado diariamente por milhares de pessoas, precisava de ser relocalizado para evitar que uma tragédia acontecesse. E mesmo pesando cerca de duas mil toneladas, a missão acabou por se provar possível.

  • Casal morre com horas de diferença depois de 75 anos de casamento

    Mundo

    George e Jean Spear morreram no passado dia 15 de setembro, no hospital de Queensway Carleton, em Ottawa (Canadá), depois de terem celebrado 75 anos de casamento em agosto. A britânica de 94 anos conheceu o candaniano em 1941, num salão de bailes, em Londres. George Spear servia as Forças Armadas durante a Segunda Guerra Mundial.

    SIC