sicnot

Perfil

Cultura

Grande Reportagem "Os nossos filhos da Ucrânia" distinguida pela UNESCO

A Grande Reportagem "Os nossos filhos da Ucrânia", emitida pela SIC, foi distinguida com o Prémio de Direitos Humanos e Integração, atribuído pela Comissão Nacional da UNESCO, na categoria de audiovisuais.

A reportagem acompanha um grupo de crianças ucranianas da região de Chernobyl que todos os anos são acolhidas por famílias portuguesas que lhes proporcionam um mês de sol, praia, alimentação saudável e cuidados médicos que lhes estão vedados na Ucrânia.

O júri, presidido por Guilherme d'Oliveira Martins, distinguiu o trabalho da equipa da SIC constituída pelo jornalista Carlos Rico, pelo repórter de imagem Carlos Morais e pelo editor de imagem António Soares.

O prémio foi anunciado ontem, a assinalar o Dia Internacional dos Direitos Humanos.

  • Os Nossos Filhos da Ucrânia
    37:58

    Grande Reportagem SIC

    Vinte e seis crianças ucranianas da região de Chernobyl passaram um mês de Verão em Portugal, com famílias de acolhimento que lhes proporcionaram sol, praia, alimentação saudável e cuidados médicos, a que habitualmente não têm acesso. Os médicos ucranianos acreditam que este curto período de férias restitui um a dois anos de vida a estas crianças que, três décadas depois, sofrem ainda as consequências do acidente nuclear. Uma realidade a conhecer na Grande Reportagem "Os Nossos Filhos da Ucrânia".

  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.