sicnot

Perfil

Cultura

Grande Reportagem "Os nossos filhos da Ucrânia" distinguida pela UNESCO

A Grande Reportagem "Os nossos filhos da Ucrânia", emitida pela SIC, foi distinguida com o Prémio de Direitos Humanos e Integração, atribuído pela Comissão Nacional da UNESCO, na categoria de audiovisuais.

A reportagem acompanha um grupo de crianças ucranianas da região de Chernobyl que todos os anos são acolhidas por famílias portuguesas que lhes proporcionam um mês de sol, praia, alimentação saudável e cuidados médicos que lhes estão vedados na Ucrânia.

O júri, presidido por Guilherme d'Oliveira Martins, distinguiu o trabalho da equipa da SIC constituída pelo jornalista Carlos Rico, pelo repórter de imagem Carlos Morais e pelo editor de imagem António Soares.

O prémio foi anunciado ontem, a assinalar o Dia Internacional dos Direitos Humanos.

  • Os Nossos Filhos da Ucrânia
    37:58

    Grande Reportagem SIC

    Vinte e seis crianças ucranianas da região de Chernobyl passaram um mês de Verão em Portugal, com famílias de acolhimento que lhes proporcionaram sol, praia, alimentação saudável e cuidados médicos, a que habitualmente não têm acesso. Os médicos ucranianos acreditam que este curto período de férias restitui um a dois anos de vida a estas crianças que, três décadas depois, sofrem ainda as consequências do acidente nuclear. Uma realidade a conhecer na Grande Reportagem "Os Nossos Filhos da Ucrânia".

  • Confirmados dois novos casos de legionella

    Legionella

    Dois novos casos de legionella foram esta quarta-feira confirmados. A informação foi avançada em comunicado pela Direção-Geral da Saúde. Tratam-se de duas pessoas com mais de 80 anos, internadas no Hospital São Francisco Xavier e no Egas Moniz, ambas em situação clínica estável.

  • Quem é o novo Presidente do Zimbabué?
    2:15

    Mundo

    Emmerson Mnangagwa é o sucessor de Robert Mugabe que regressou esta quarta-feira da África do Sul, onde estava refugiado. No primeiro discurso, o Presidente do Zimbabué falou de uma nova democracia no país. Mnangagwa, conhecido como crocodilo, é suspeito de atrocidades na guerra civil pós-independência. 

  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50