sicnot

Perfil

Cultura

Quadros de Júlio Pomar e Almada a partir de hoje em leilão em Lisboa

As telas "Maria da Fonte", de Júlio Pomar, e "Arlequim, Bailarina e Cavalo", de Almada Negreiros, vão hoje a leilão, pelo Palácio do Correio Velho, em Lisboa, ambas com uma base de licitação de 150 mil euros.

De acordo com a leiloeira, neste primeiro dia do leilão, que tem início às 19:30, estarão em destaque "Maria da Fonte", pintado em 1957, e "Arlequim, Bailarina e Cavalo", pintado em 1953.

Dos 614 lotes do Leilão de Antiguidades e Arte Moderna e Contemporânea - que decorre durante três dias - estão estas duas peças em destaque, sendo que a obra "Maria da Fonte", de Júlio Pomar, é considerada a última obra do período neorrealista do autor, atualmente com 89 anos.

Contactada pela agência Lusa, fonte da leiloeira indicou que, até ao momento, "o Estado ainda não demonstrou interesse" na aquisição.

Trata-se de um óleo sobre aglomerado com 121 centímetros por 180 centímetros, que representa várias figuras de trabalhadores rurais, e a proveniência é da Coleção Humberto Pelágio, de Lisboa.

Raramente exposta, segundo o Palácio do Correio Velho, esta obra participou apenas em 1957, na 1.ª Exposição da Fundação Calouste Gulbenkian e, depois, em 2004, na retrospetiva do Museu Berardo, em Sintra, intitulada "Autobiografia".

Quanto à pintura de Almada Negreiros (1893-1970) - "Arlequim, Bailarina e Cavalo" -, foi encomendada por uma família lisboeta, com casa no Restelo, em Lisboa.

Assinado e datado de 1953, o quadro mede aproximadamente 200 centímetros por 100 centímetros.

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.