sicnot

Perfil

Cultura

Cinema português com número mais elevado de espectadores em 2015 em 40 anos

O cinema português que se estreou em 2015 no circuito comercial foi visto por 940.063 espectadores, registando o valor mais elevado desde 1975, revelou hoje à agência Lusa o Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA).

© Agencja Gazeta / Reuters

De acordo com dados do ICA sobre o mercado cinematográfico, os portugueses foram mais vezes ao cinema e viram mais filmes portugueses em 2015. Dos 14,5 milhões de espectadores contabilizados, 940.063 (ou seja, 6,5 por cento) viram cinema português.

Para este aumento terão contribuído "O pátio das cantigas" e "O leão da Estrela", ambos de Leonel Vieira, e os dois filmes portugueses mais vistos de 2015, somando mais de 785 mil espectadores.

Em termos globais, em 2015, as salas de cinema em Portugal registaram um aumento de cerca de vinte por cento, tanto em número de espectadores (mais 2,5 milhões), como em receita bruta de bilheteira (mais 12,1 milhões de euros), comparando com 2015.

No ano passado, estrearam-se 355 longas-metragens, dominando a presença de produção europeia nos cinemas, embora esse facto não se tenha refletido em espectadores - os filmes norte-americanos foram vistos por 70,3 por cento dos espectadores, enquanto os europeus, por 19,9 por cento.

Em 2015, foram produzidos 50 filmes portugueses com o apoio financeiro do ICA, o que representa um aumento de mais de 85 por cento em relação a 2014.

A NOS Lusomundo Cinemas continua a ser líder no mercado, detendo uma quota de 62,3 por cento, no que toca a receitas brutas de bilheteira.

No geral, o filme de animação "Mínimos" foi o mais visto em Portugal, em 2015, com 937.383 espectadores e 4,7 milhões de euros de receita de bilheteira.

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.