sicnot

Perfil

Cultura

"Quem Feio ama" é espetáculo de homenagem a António Feio no CCB

Vinte atores e músicos vão reunir-se, no próximo dia 26, no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, para o espetáculo "Quem Feio ama", de homenagem a António Feio.

2010 - O ator António Feio morre, no Hospital da Luz, em Lisboa, onde estava internado. Tinha 55 anos.

2010 - O ator António Feio morre, no Hospital da Luz, em Lisboa, onde estava internado. Tinha 55 anos.

O espetáculo conta com a participação de José Pedro Gomes, um dos atores que mais contracenou com António Feio, e a receita reverte para a Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos, informou a produção.

Nomes da "stand-up comedy", como Aldo Lima, Bruno Nogueira e Marco Horácio, e dos palcos de teatro, como Miguel Guilherme, Nuno Lopes, Maria Rueff ou Virgílio Castelo, foram igualmente anunciados pela produção.

Participam ainda no espetáculo os Amor Eletro e a banda Feio & Friends.

Ana Bola, António Jorge Gonçalves, António Machado, a Companhia Olga Roriz, Eduardo Madeira, Fernanda Serrano, Filipe Homem Fonseca, Jorge Mourato e Sónia Aragão são outros nomes que constam do elenco de "Quem Feio ama".

Lusa

  • Primo de Sócrates já foi notificado
    1:48
  • Santana Lopes espera mais diálogo com António Costa
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes espera que o primeiro-ministro dialogue mais com o novo líder do PSD do que o que tem dialogado com Passos Coelho. O candidato à liderança dos social-democratas criticou ainda Rui Rio por ainda não se ter mostrado disponível para um debate.

  • Rui Rio defende o diálogo com todos os partidos
    0:37

    País

    Rui Rio defende o diálogo com todos os partidos com assento parlamentar e não apenas com o Governo. As declarações do candidato à liderança do PSD surgiram em resposta a António Costa que, em entrevista, disse que acredita que a relação com os social-democratas vai melhorar com a nova liderança.

  • Morreu o jornalista Pedro Rolo Duarte

    País

    Morreu Pedro Rolo Duarte. O jornalista tinha 53 anos e não resistiu a um cancro. Pedro Rolo Duarte estava internado nos cuidados paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa. Trabalhou em imprensa, na rádio e na televisão.