sicnot

Perfil

Cultura

Justiça francesa anula licença de exploração comercial do filme "Anticristo"

A licença de exploração comercial em França do filme "Anticristo", do cineasta dinamarquês Lars von Trier, foi anulada pela justiça devido a "cenas de enorme violência" e "cenas de sexo não simuladas", foi hoje divulgado.

© Thomas Peter / Reuters

A decisão judicial foi tomada em resposta a uma ação apresentada por uma associação próxima dos católicos tradicionalistas que defendia que o filme, atualmente interdito a menores de 16 anos, deveria sê-lo a menores de 18 anos.

Algumas cenas de "Anticristo", com Willem Dafoe e Charlotte Gainsbourg - e que valeu em 2009 à atriz francesa o prémio de interpretação feminina no Festival de Cannes -, têm "um grau de representação da violência e da sexualidade que exige, à luz das disposições legais aplicáveis, uma interdição do filme a todos os menores", considerou o tribunal administrativo de segunda instância de Paris.

De acordo com o tribunal, o ministério da Cultura "cometeu um erro de apreciação ao limitar-se a proibir a visualização do filme apenas aos menores de 16 anos".

A anulação da licença de exploração comercial da longa-metragem, uma autorização administrativa necessária à exibição do filme em salas de cinema, impede também a sua difusão em qualquer suporte (televisão, DVD...), até que uma nova licença seja concedida.

O filme de Lars von Trier já enfrentou este obstáculo duas vezes, em 2009 e 2012, por razões processuais. De ambas as vezes lhe foi concedida uma nova licença.

Em dezembro passado, a associação Promouvoir, na origem da ação contra "Anticristo", tinha já obtido da justiça francesa a revisão da interdição apenas aos menores de 12 anos do filme realizado pelo franco-tunisino Abdellatif Kechiche "A Vida de Adèle", Palma de Ouro 2013 em Cannes.

No verão de 2015, a Promouvoir conseguira igualmente fazer proibir aos menores de 18 anos o filme "Love", do cineasta argentino Gaspar Noé, uma história de amor com cenas de sexo não simuladas cuja visualização só estava inicialmente proibida a menores de 16 anos.

Lusa

  • Proteção Civil desmobiliza meios em Setúbal

    País

    A Proteção Civil vai começar a desmobilizar, hoje à tarde, meios de combate ao incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal e que já está em fase de rescaldo, disse à agência Lusa o vereador da Proteção Civil Municipal.

  • Marcelo lembra ditadura para deixar elogios à liberdade de imprensa e separação de poderes
    0:29
  • Portugal condenado por decisão "discriminatória e preconceituosa"
    1:19

    País

    Portugal voltou a ser condenado pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem, desta vez por causa de uma decisão discriminatória e preconceituosa. Trata-se do caso da mulher a quem o Supremo Tribunal Administrativo baixou o valor de uma indemnização por negligência médica. Entre os vários argumentos usados, os juízes portugueses consideraram que a sexualidade é menos importante quando se tem 50 anos e dois filhos.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26

    País

    O candidato do PSD à Câmara Municipal de Loures, André Ventura, foi entrevistado esta terça-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. Em análise, a polémica em torno das declarações do candidato sobre a comunidade cigana.

    Entrevista SIC Notícias

  • Rajoy nega conhecimento de financiamentos ilegais no PP

    Mundo

    O primeiro-ministro espanhol negou hoje ter conhecimento de um esquema ilegal de financiamento, que envolve vários responsáveis do Partido Popular (PP, direita), que lidera. Durante uma audição no tribunal, Mariano Rajoy garantiu ainda que não aceitou nenhum pagamento ilícito.