sicnot

Perfil

Cultura

Jerónimo de Sousa diz que mudança no CCB é "positiva" e quer nova política

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou hoje que considera positiva a mudança na presidência do Centro Cultural de Belém (CCB), mas explicou que o mais importante é uma mudança de política.

Lusa

Lusa

MIGUEL A. LOPES

O gestor António Lamas, no CCB desde 2014, teve a exoneração confirmada oficialmente na segunda-feira à noite, e o Ministério da Cultura anunciou para o seu lugar Elísio Summavielle, um dos atuais adjuntos do ministro da Cultura, João Soares.

"A escolha do presidente do CCB é da responsabilidade do ministro da Cultura. O presidente demissionário teve uma responsabilidade direta na definição de uma estratégia para Belém-Ajuda, como já tinha feito em Sintra-Monte da Lua, onde o relevante são as medidas de mercantilização da cultura, que é bom para os turistas estrangeiros e mau para os portugueses, tendo em conta os custos", disse.

Jerónimo de Sousa, que visitou hoje uma exposição no Barreiro, referiu que considera a substituição positiva.

"Neste quadro consideramos uma substituição positiva, não pela pessoa em si. Esperamos que não se trate da substituição de uma pessoa, mas sim da alteração de um projeto que estávamos em total desacordo", acrescentou.

O secretário-geral do PCP disse ainda que ficou "impressionado" com as tomadas de posição do PSD e CDS sobre o tema.

"O ministro tem essa responsabilidade. Podemos discutir o processo, mas é um direito do titular da pasta. Fico impressionado por ouvir PSD e CDS tão crispados com o processo, esquecendo-se o que fizeram em quatro anos", salientou.

Jerónimo de Sousa esteve a visitar a exposição "O Regresso das Bandeiras", sobre a jornada luta de 28 de Fevereiro de 1935, que ocorreu no Barreiro.

"Tem um grande significado pelo que representou esta ação de agitação e propaganda. Foi um ato muito simbólico e de grande coragem, que se enquadrava na luta pela liberdade, em plena ascensão do fascismo e nazismo", concluiu.

Lusa

  • PSD contesta exoneração de António Lamas
    1:25

    Cultura

    O PSD acusa o Governo de ser "uma espécie de dono disto tudo". É a reação dos sociais-democratas à demissão de António Lamas da presidência do Centro Cultural de Belém (CCB). A exoneração foi decidida pelo ministro da Cultura João Soares, que nomeou Elísio Summavielle para o cargo. O deputado Sérgio Azevedo diz que é uma mudança sem justificação e que mostra a forma autoritária e aerrogante como o Governo está a usar o aparelho do Estado.

  • BE critica processo de substituição do presidente do CCB
    1:10

    Cultura

    O Bloco de Esquerda entende que não é aceitável que se mantenham as regras do PSD de nomear direções de organismos públicos. Na resposta à demissão de António Lamas da presidência do Centro Cultural de Belém, o deputado do BE José Soeiro disse que a melhor opção para estes casos são concursos públicos internacionais. Acrescentou ainda que a capacidade do PSD para criticar a ação do Governo é absolutamente nula.

  • PS rejeita acusações na substituição do presidente do CCB
    1:20

    Cultura

    O PS rejeita as acusações de tentativa de controlo da máquina do Estado, com a nomeação para o CCB e sublinha que o que houve foi uma "desadequação da estratégia", em relação aos planos, quer Ministério da Cultura, quer da Câmara Municipal de Lisboa. A oposição acusa o o governo socialista de agir "como se fosse dono disto tudo". São as reações à demissão de António Lamas da presidência do Centro Cultural de Belém. A exoneração foi decidida pelo ministro da Cultura João Soares, que nomeou Elísio Summavielle para o cargo.

  • Trump convida Putin a visitar EUA

    Mundo

    O Presidente dos EUA, Donald Trump convidou o homólogo russo a visitar a Casa Branca e Vladimir Putin ter-se-á mostrado disponível a visitar o país em breve, segundo a agência de notícia russa RIA Novosti que cita o chefe da diplomacia de Moscovo.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • Hoje é notícia 

    País

    O PSD leva a debate parlamentar a reprogramação do atual quadro comunitário, desafiando os partidos a pronunciarem-se sobre a proposta inicial do Governo, que considera "não servir o país". Os parceiros sociais e o Governo reúnem-se na Concertação Social para discutirem o Programa Nacional de Reformas. O Sporting de Braga procura alcançar o Sporting no 3º lugar da I Liga, ao defrontar o Marítimo na abertura da 31.ª jornada.

  • 45 anos de Partido Socialista
    3:31

    País

    O PS completou 45 anos esta quinta-feira. Acaso ou não, a festa aconteceu um dia depois de terem ficado concluídos dois acordos com o PSD que fazem renascer o debate sobre o posicionamento ideológico do partido socialista.

  • Senado aprova à tangente novo diretor da NASA

    Mundo

    O Senado norte-americano aprovou na quinta-feira, à tangente, a nomeação do novo diretor da agência espacial norte-americana, com 50 votos favoráveis contra 49, colocando à frente da NASA um cético das alterações climáticas, adiantou a Efe.

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
  • Salas de consumo assistido previstas na lei há 17 anos
    3:01

    País

    Dezassete anos depois, Lisboa vai ter as primeiras salas de consumo assistido, vulgarmente conhecidas como salas de chuto. O objetivo é apoiar os mais de 1400 toxicodependentes sinalizados e evitar a propagação de doenças.

  • Mágico comove audiência do Britain's Got Talent com a história de cancro da mulher e da filha
    5:16
  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC