sicnot

Perfil

Cultura

Escritora britânica Anita Brookner morre aos 87 anos

A escritora britânica Anita Brookner, reconhecida historiadora de arte e que ganhou um prémio Booker, morreu aos 87 anos, informou hoje o diário The Times.

Brookner conquistou o galardão literário Booker em 1984 com o romance "Hotel du Lac", um dos 25 livros que escreveu após uma destacada carreira como historiadora.

Segundo o jornal, a escritora morreu quando dormia no passado dia 10.

Nascida em Londres em 1928, Brookner escreveu vários livros sobre arte nos anos 1960 e 1970, centrando-se depois na ficção, sobretudo em temas que exploram o isolamento social através de protagonistas femininas.

"Foi uma escritora maravilhosa que tinha uma prosa lúcida e bonita. Foi um ícone do meu tempo", assinalou a escritora Jilly Cooper, famosa no Reino Unido devido aos seus romances românticos.

Filha de polacos judeus que ajudaram refugiados a escaparem da perseguição de nazis na II Guerra Mundial, Anita Brookner foi professora de arte na Universidade de Cambridge e também deu aulas no Instituto de Arte Courtauld.

O seu primeiro romance, "A start in life", foi publicado em 1981 e desde então escreveu quase um livro por ano. O último, "At the hairdresser's", saiu em 2011.

Além do romance com que ganhou o Booker, "Hotel do Lac", foram editados em Portugal outros livros da escritora como "Desconhecidos", "A Baía dos Anjos", "Visitas", "As Regras do Compromisso" e "Fraude".

Em 1990, a rainha Isabel II atribuiu-lhe a medalha de Comandante do Império Britânico.

Lusa

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.