sicnot

Perfil

Cultura

Presidente da República felicita Manuel Alegre por Prémio Vida Literária

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, felicitou o escritor Manuel Alegre pela atribuição do Prémio Vida Literária, considerando que "marcou, como poucos, a literatura e a política do seu tempo".

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

"Manuel Alegre marcou, como poucos, a literatura e a política do seu tempo. Praça da Canção e O Canto e as Armas conquistaram uma dimensão singular na poesia portuguesa: poemas empenhados, poemas de uma geração, passaram de mão em mão, muitas vezes em edições clandestinas. Muitos deles foram cantados pelos nomes cimeiros da canção de intervenção, tornando-se conhecidos de todos", refere a nota de felicitações publicada no site da Presidência da República.

O Prémio Vida Literária 2015/1016, dotado de 22.500 euros e promovido pela Associação Portuguesa de Escritores, foi atribuído na sexta-feira ao escritor Manuel Alegre.

"A direção, constituída em júri, como desde sempre nesta iniciativa, deliberou por unanimidade, considerando o longo percurso literário do autor, de um tempo prévio a 'Praça da Canção', à atualidade, [com] 'Uma outra memória'", um percurso "muito premiado e reconhecido pelos leitores e pela crítica, em termos que tornam inconfundível a sua presença de poeta, narrador, cronista, ensaísta, na esfera cultural do país" atribuir o galardão ao Manuel Alegre, lê-se no comunicado divulgado.

Na nota de felicitações, a Presidência da República lembra Manuel Alegre como "poeta da resistência", que continuou já em democracia a "publicar poemas que se mantêm fiéis a um diálogo intenso com a História".

"Uma vida cívica que foi sempre também uma vida poética", remata o texto de felicitações do Presidente da República.

Lusa

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57