sicnot

Perfil

Cultura

Manuel Alegre recebe Prémio Vida Literária a 25 de Abril

O Prémio Vida Literária 2015/1016, dotado de 22.500 euros, é entregue no dia 25 de Abril, ao escritor Manuel Alegre, em Lisboa, anunciou hoje a Associação Portuguesa de Escritores (APE), que instituiu o galardão.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

A cerimónia, à qual preside o chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, vai realizar-se no salão nobre da Caixa Geral de Depósitos, em Lisboa, pelas 18:30.

O nome do distinguido foi anunciado em março, tendo sido uma escolha "unânime" da direção da APE, que teve em consideração "o longo percurso literário do autor, de um tempo prévio a 'Praça da Canção'".

Na altura, Marcelo Rebelo de Sousa felicitou o autor pelo prémio atribuído pelos seus pares, recordando, numa mensagem, que "Manuel Alegre marcou, como poucos, a literatura e a política do seu tempo".

"'Praça da Canção' e 'O Canto e as Armas' conquistaram uma dimensão singular na poesia portuguesa: poemas empenhados, poemas de uma geração, passaram de mão em mão, muitas vezes em edições clandestinas. Muitos deles foram cantados pelos nomes cimeiros da canção de intervenção, tornando-se conhecidos de todos", lia-se na nota de felicitações publicada no sítio na internet da Presidência da República.

Publicados em 1965, em plena ditadura, "Praça da canção" e "O canto e as armas" são obras definidas como "símbolo da luta pela liberdade", pela editora do escritor, as Publicações D. Quxote.

Na nota de felicitações, Marcelo Rebelo de Sousa lembra Manuel Alegre como "poeta da resistência", que continuou já em democracia a "publicar poemas que se mantêm fiéis a um diálogo intenso com a História".

"Uma vida cívica que foi sempre também uma vida poética", remata o texto de felicitações do Presidente da República.

Nas doze edições anteriores do Prémio Vida Literária da APE, foram distinguidos Miguel Torga, José Saramago, Sophia de Mello Breyner Andresen, Óscar Lopes, José Cardoso Pires, Eugénio de Andrade, Urbano Tavares Rodrigues, Mário Cesariny de Vasconcelos, Vítor Aguiar e Silva, Maria Helena da Rocha Pereira, João Rui de Sousa e Maria Velho da Costa.

Manuel Alegre, que tem recebido vários prémios literários nacionais e internacionais ao longo de mais de meio século de escrita, também é distinguido, no próximo dia 22 de maio, com o Prémio de Consagração de Carreira da Sociedade Portuguesa de Autores.

Lusa

  • Partidos vão apresentar propostas alternativas à descida da TSU
    2:52

    TSU

    O Presidente da República defende a redução da Taxa Social Única mas deixa a porta aberta a outra via para compensar o aumento do salário mínimo. PCP e Bloco de Esquerda insistem que não pode haver contrapartidas que estimulem os salários baixos mas admitem outras formas de aliviar as empresas. À direita, também o CDS irá apresentar propostas.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.