sicnot

Perfil

Cultura

Novo livro do autor de "A vida de Pi" passa-se em Portugal e é editado quarta-feira

A obra "As altas montanhas de Portugal", de Yann Martel, autor de "A vida de Pi", com o qual venceu o Man Booker Prize, em 2002, é publicado quarta-feira, pela Editorial Presença.

© Andrew Kelly / Reuters

Yann Martel, naturalizado canadiano, nasceu há 52 anos, em Salamanca, Espanha, e idealizou esta obra, que tem como cenário Portugal, aos 20 anos, segundo a editora portuguesa.

A narrativa desenvolve-se em diferentes momentos. Num primeiro, em Lisboa, em 1904, o jovem Tomás descobre um diário antigo em que é mencionado um artefacto extraordinário, que poderá redefinir a história e, ao volante de um dos primeiros automóveis da Europa, aventura-se pelo país em busca deste objeto.

Trinta e cinco anos depois, em Bragança, um patologista, leitor assíduo dos policiais de Agatha Christie, "vê-se enredado num mistério que é consequência da demanda que Tomás levara a cabo", adianta a editora em comunicado.

Décadas mais tarde, um senador canadiano refugia-se numa aldeia no norte de Portugal, após a morte da mulher, trazendo um companheiro invulgar, um chimpanzé, e "eis que é desvendado, por fim, um mistério com cem anos".

A editora realça que este novo romance de Yann Martel "explora com mestria questões prementes da condição humana, com humor e surpresas".

O autor "leva-nos numa viagem pelo Portugal do século passado, que é também uma viagem interior".

O romance "A vida de Pi", publicado em mais de 50 países, incluindo Portugal, pela Presença, valeu ao autor o Man Booker Prize e foi adaptado ao cinema pelo realizador Ang Lee.

Do autor está também publicado em Portugal "Beatriz e Virgílio",

Segundo a editora portuguesa, os direitos de "As altas montanhas de Portugal", encontram-se "já vendidos para vários países".

Lusa

  • "O euro como o conhecemos é uma construção imperfeita"
    1:26

    Economia

    O primeiro-ministro diz que o euro como o conhecemos é uma construção imperfeita e que sem regras iguais para todos não é possível a reforma da moeda única. As declarações de António Costa foram feitas esta terça-feira, em Lisboa, numa conferência intitulada de "Consolidar o Euro. Promover a Convergência".

  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.

  • As propostas Chanel para a próxima estação
    1:34

    Mundo

    Um dos desfiles mais aguardados do mundo da moda aconteceu esta segunda-feira, em Paris, com as propostas da casa Chanel para a próxima estação primavera/verão. No final do desfile, e pela primeira vez em 30 anos, Karl Lagarfeld não deu nenhuma entrevista à comunicação social.