sicnot

Perfil

Cultura

Festival Internacional da Máscara Ibérica alargado ao Museu da Marioneta e ao Teatro Taborda

O Festival Internacional Máscara Ibérica (FIMI) regressa a Lisboa entre quinta-feira e domingo, com uma programação alargada ao Museu da Marioneta e ao Teatro Taborda, disse à Lusa fonte da organização.

© Rafael Marchante / Reuters

"Este ano quisemos ter uma representação do território ainda mais forte, sendo que temos um dia dedicado a Miranda [do Douro], e alargámos a programação fora do espaço do Rossio, com atividades previstas para o Museu da Marioneta e para o Teatro Taborda", informou o presidente da associação de promoção cultural PROGESTUR, Hélder Ferreira.

O responsável salientou ainda que para a edição deste ano houve uma preocupação redobrada em "melhorar a imagem do próprio espaço" e que "quem esteve nos anos anteriores no Rossio vai encontrar um espaço mais agradável, com a realização de atividades para todos".

O Museu da Marioneta, gerido pela empresa municipal EGEAC, parceira na organização do evento, é uma das novidades nesta edição, recebendo 'workshops' para crianças, a partir das 14:30 de sábado.

"Achámos que fazia todo o sentido haver uma ligação com este espaço, uma vez que este museu também tem uma componente relacionada com máscaras", esclareceu a presidente do conselho de administração da EGEAC, Joana Gomes Cardoso.

O ponto alto do FIMI está marcado para sábado, a partir das 16:30, com o tradicional Desfile da Máscara Ibérica, que parte da Praça do Município, passando pela Rua do Ouro, e que termina no Rossio.

Para Hélder Ferreira, esta atividade "é aquilo que diferencia [o festival] ainda mais de outros projetos".

À semelhança dos anos anteriores, o evento conta ainda com a iniciativa Mostra das Regiões, que decorre todos os dias a partir das 11:00, com a divulgação da oferta gastronómica e cultural das 30 regiões participantes.

Antes do certame é realizado um concurso de fotografia, cujas imagens selecionadas pelo júri e pelo público estarão expostas no Teatro Taborda durante todo o festival, seguindo depois numa mostra itinerante por vários pontos de Portugal e Espanha durante o ano.

A dignificação e a promoção da temática da máscara, em conjunto com uma promoção do desenvolvimento regional, é o principal objetivo deste festival, que nos últimos anos tem contribuído para que "em termos culturais haja uma outra atenção quando se olha para a máscara e uma maior curiosidade pelos territórios que ligados a esta temática", sublinhou Hélder Ferreira.

Joana Cardoso acrescentou também que Lisboa é utilizada durante o FIMI como "uma espécie de montra" que dá oportunidade a quem visita o certame de conhecer "aquilo que se passa em diversas regiões do país".

Ao longo dos quatro dias do festival, organizado numa parceria conjunta entre a PROGESTUR, a EGEAC e com a Câmara Municipal de Lisboa, os visitantes podem ainda contar com animação de rua, sessões de autógrafos, tertúlias e diversos espetáculos musicais.

Lusa

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.