sicnot

Perfil

Cultura

Museu do Oriente celebra hoje oito anos com visitas, ateliês e conferências

O Museu do Oriente, em Lisboa, celebra hoje oito anos de atividade com um programa aberto ao público, que inclui exibições com instrumentos asiáticos e artes marciais, ateliês, visitas e conferências.

museudooriente.pt

Inaugurado a 08 de maio de 2006, o museu recebeu, desde a abertura, até fevereiro último, 628.860 pessoas, entre entradas em exposições, espetáculos, cursos, conferências e no centro de documentação, segundo dados revelados à agência Lusa pela instituição.

Após uma semana de celebrações, o programa de hoje decorre das 10:00 às 18:00 com, entre outras atividades, um ensaio aberto de gamelão, pelo grupo musical Yogistragong, uma visita/jogo para famílias e visitas orientadas às exposições ou a determinadas obras.

Também estão previstas demonstrações e um 'workshop' de Iaido, arte marcial japonesa, uma conferência por Camilo Martins de Oliveira sobre "Japão -- itinerário de muitos olhares", uma oficina de caligrafia chinesa e uma demonstração de Taichi.

Para o público, o Museu do Oriente é uma das faces mais visíveis da Fundação Oriente, possuindo um património museológico com mais de 15.000 peças da Ásia, desde máscaras a mobiliário, passando por armaduras, mapas, têxteis, biombos, porcelanas, terracotas, desenhos e pinturas.

Uma das peças mais relevantes da coleção é um biombo namban que retrata a chegada dos portugueses ao Japão, no século XVII, com marinheiros e jesuítas.

Lusa

  • Queixas sobre comércio online dispararam em 2017

    Economia

    A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (Deco) recebeu 1.642 reclamações sobre compras feita pela internet em 2017, numa média de quatro queixas por dia, número que sobe para 8.538 no caso da rede social Portal da Queixa.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Mais de 60% dos jovens não usam preservativo
    1:42
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52