sicnot

Perfil

Cultura

Dia dos Museus celebrado com entradas gratuitas e programas culturais

O Dia Internacional dos Museus, dedicado este ano à relação destes espaços com a paisagem cultural, celebra-se na quarta-feira com entrada livre em museus, palácios e monumentos, e uma programação de visitas, ateliês e encenações históricas.

Antes do Daesh: Museu de Palmira, abril, 2008

Antes do Daesh: Museu de Palmira, abril, 2008

© Omar Sanadiki / Reuters

Instituído pelo ICOM -- Conselho Internacional de Museus, o Dia Internacional dos Museus tem este ano como tema "Museus e paisagens culturais", visando promover a ideia de museu enquanto centro territorial de uma proteção ativa da paisagem cultural.

Enquanto no dia 18 de maio, quarta-feira, os museus, palácios e monumentos da tutela da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) têm entrada livre, na Noite dos Museus, a 21 de maio, estarão abertos gratuitamente a partir das 17:30.

Cerca de 44 concelhos do país aderem às celebrações, nos seus 79 museus, monumentos e palácios, participando com dezenas de atividades como visitas guiadas, exposições, ateliês, teatro, palestras, concertos e lançamentos de livros, entre outras.

Em Lisboa, o Museu Nacional dos Coches promove, entre as 10:00 e as 17:30, o "Passeio Real por Belém", que faz um percurso pela zona histórica de Belém em charrete, com partida do novo edifício.

Também na capital, mas no dia 21 de maio, Noite dos Museus, às 18:00, o Museu da Água realiza "Os fantasmas do Loreto", uma visita comentada na galeria subterrânea do Loreto, com animação histórica que irá percorrer 1,2 quilómetros, entre o reservatório da Mãe d'Água, das Amoreiras, e o Reservatório da Patriarcal, no jardim do Príncipe Real.

Nas Caldas da Rainha, a 18 de maio, às 11:00, o Museu de José Malhoa faz uma visita à descoberta das obras e dos artistas representados na exposição de escultura ao ar livre, contando todas as histórias por detrás das peças, e o seu contributo na paisagem envolvente.

Na localidade de Barcarena, concelho de Oeiras, o Museu da Pólvora Negra organiza, a 21 de maio, às 15:00, o programa "A Fada do Fogo e os Piratas", para o público infantil, com a criação de um fantoche.

Também nesse dia, em Guimarães, o Museu de Alberto Sampaio inicia, às 22:00, uma visita às suas coleções, que incluem 12 tesouros nacionais.

O Museu de Lanifícios da Universidade da Beira Interior, na Covilhã, vai dar acesso livre, durante todo o dia de 18 de maio, aos dois núcleos museológicos: a tinturaria setecentista e pombalina da Real Fábrica de Panos, no período pré-industrial e manufatureiro, e a evolução da manufatura/maquinofatura para a mecanização dos lanifícios, na Real Fábrica Veiga.

Na Noite dos Museus, o Museu Municipal de Faro apresenta, a partir das 21:30, uma encenação intitulada "O saco do homem do saque", a propósito dos 420 anos sobre os ataques das tropas inglesas à cidade.

Lusa

  • O resgate dos passageiros do naufrágio em Cascais
    1:48
  • É importante que "as pessoas não tenham medo" de denunciar o tráfico humano
    0:48

    País

    Manuel Albano, relator nacional para o tráfico de pessoas, concorda com a ideia de que é necessário continuar a investir na inspeção e na fiscalização para travar o tráfico de seres humanos, mas rejeita a denúncia do sindicato dos trabalhadores do SEF, que esta quinta-feira alertou para a "falta de controlo".

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
  • Salas de consumo assistido previstas na lei há 17 anos
    3:01
  • O que faz um guaxinim às duas da manhã num quartel de bombeiros?

    Mundo

    Os animais são muitas vezes os protagonistas de histórias incríveis ou até insólitas. Desde o cão mais pequeno ao urso mais assustador. Desta vez, o principal interveniente é um guaxinim, que foi levado até um quartel de bombeiros por uma dona muito preocupada. Porquê? O animal estava sob o efeito de drogas.

    SIC

  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC

  • Presidente do Uganda quer proibir sexo oral

    Mundo

    O Presidente do Uganda emitiu um aviso público durante um conferência de imprensa anunciando que vai banir a prática de sexo oral no país. Yoweri Museveni justifica o ato, explicando que "a boca serve para comer".

    SIC