sicnot

Perfil

Cultura

Antigo baterista dos Megadeth morre durante um concerto

Nick Menza morreu durante um concerto num clube de jazz em Los Angeles, nos Estados Unidos da América. O antigo baterista da banda Megadeth tinha 51 anos.

facebook.com/officialnickmenza

facebook.com/officialnickmenza

facebook.com

Nick Menza atuava com a banda OHM, em Los Angeles, quando sofreu um ataque cardíaco em palco.

A notícia já foi confirmada pelo manager de Menza. O The Guardian avançou com um comunicado do manager: "O Nick caiu durante a terceira música do set da banda OHM. O relatório indica que ele sofreu um ataque cardíaco e foi declarado morto quando chegou ao hospital".

As reações multiplicaram-se nas redes sociais.

Dave Mustaine, um dos fundadores dos Megadeth, disse no no Twitter que acordou às 04:00 com as notícias. "Diz-me que não é verdade", escreveu no Twitter.

No Facebook, Marty Friedman, antigo guitarrista da banda, escreveu: "Todos nós sabemos o quão grande e único baterista que Nick era, mas ele era também um amigo de confiança, um colega de banda hilariante e um pai carinhoso. Estou muito triste e não estava à espera que isto acontecesse. RIP Irmão".

Nick Meza foi um dos bateristas dos Megadeth. A banda foi fundada em 1983 pelo guitarrista Dave Mustaine, depois de este ter abandonado os Metallica.

Nick Meza entrou para a banda em 1989 para substituir Chuck Behler, despedido por Mustaine.

Tocou na banda durante a década de 90, quando saíram os discos com mais sucesso.

Saiu da banda em 1998, quando teve de ser operado durante uma tour em 1997.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52