sicnot

Perfil

Cultura

Festival de música Nos Alive com bilhetes esgotados para os dias 8 e 9 de julho

Os bilhetes para o festival Alive, no Passeio Marítimo de Algés, estão esgotados para os dias 08 e 09 de julho, a um mês do início da décima edição, revelou hoje a organização.

O festival de música acontece nos dias 07 a 09 de julho, com artistas como Radiohead, Arcade Fire e Chemical Brothers. Os passes para os três dias há muito que estão esgotados.

Segundo a organização, só existem cerca de 1900 bilhetes, apenas para 07 de julho, dia em que atuarão os Chemical Brothers, Pixies, Robert Plant e os portugueses Dead Combo e Throes + The Shine.

"Após esgotar os passes de três dias e os bilhetes diários para 08 de julho, o NOS Alive esgota agora os bilhetes para 09 de julho, dia em que atuam Arcade Fire, M83, Grimes, Band Of Horses, José González, Paus, Agir, Ratatat", sublinha a promotora Everything Is New.

Este ano, o festival conta com mais de uma centena de atuações repartidas por sete palcos, entre os quais, pela primeira vez, um dedicado ao fado.

Além dos artistas já citados, entre regressos e estreias, o festival contará com nomes como Tame Impala, Foals, M83, Band of Horses, Father John Misty, Courtney Barnett, Calexico, Grimes, Four Tet, José González, Hot Chip, Mundo Segundo e Sam The Kid, HMB, Xinobi, Branko, Carlão, Hélder Moutinho, Marco Rodrigues e Ricardo Parreira.

Lusa

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Donald Trump já está no Vaticano 
    1:32