sicnot

Perfil

Cultura

Festival de música Nos Alive com bilhetes esgotados para os dias 8 e 9 de julho

Os bilhetes para o festival Alive, no Passeio Marítimo de Algés, estão esgotados para os dias 08 e 09 de julho, a um mês do início da décima edição, revelou hoje a organização.

O festival de música acontece nos dias 07 a 09 de julho, com artistas como Radiohead, Arcade Fire e Chemical Brothers. Os passes para os três dias há muito que estão esgotados.

Segundo a organização, só existem cerca de 1900 bilhetes, apenas para 07 de julho, dia em que atuarão os Chemical Brothers, Pixies, Robert Plant e os portugueses Dead Combo e Throes + The Shine.

"Após esgotar os passes de três dias e os bilhetes diários para 08 de julho, o NOS Alive esgota agora os bilhetes para 09 de julho, dia em que atuam Arcade Fire, M83, Grimes, Band Of Horses, José González, Paus, Agir, Ratatat", sublinha a promotora Everything Is New.

Este ano, o festival conta com mais de uma centena de atuações repartidas por sete palcos, entre os quais, pela primeira vez, um dedicado ao fado.

Além dos artistas já citados, entre regressos e estreias, o festival contará com nomes como Tame Impala, Foals, M83, Band of Horses, Father John Misty, Courtney Barnett, Calexico, Grimes, Four Tet, José González, Hot Chip, Mundo Segundo e Sam The Kid, HMB, Xinobi, Branko, Carlão, Hélder Moutinho, Marco Rodrigues e Ricardo Parreira.

Lusa

  • PSD e CDS admitem chamar António Costa à nova Comissão de Inquérito à CGD
    2:37

    Caso CGD

    PSD e CDS admitem chamar o primeiro-ministro à nova Comissão de Inquérito à CGD. Apesar de ser uma hipótese, a SIC sabe que os dois partidos ainda estão a definir o objeto do inquérito e, por isso, afirmam que é prematuro falar sobre eventuais audições. Seja como for, António Costa voltou esta segunda-feira a dizer que o assunto está encerrado.

  • Venda do Novo Banco terá que ser negociada em Bruxelas
    0:43

    Economia

    A venda do Novo Banco vai ter que ser negociada com Bruxelas, uma vez que o Lone Star planeia agora ficar com 65% da instituição, obrigando o Estado a manter uma posição no banco. O ministro das Finanças lembra que esta também era uma possibilidade mas salienta que o assunto está nas mãos do Banco de Portugal.

  • O atentado na Suécia inventado por Donald Trump
    2:12
  • Primeiro-ministro sueco "surpreendido" com as declarações de Trump
    0:53

    Mundo

    O primeiro-ministro sueco ficou surpreendido com as declarações de Donald Trump, que, no fim de semana, se referiu a um suposto ataque terrorista no país escandinavo, relacionado com a imigração. Stefan Löfven fala na responsabilidade de usar os factos correctamente e diz que é preciso verificar a informação que é divulgada.

  • Angelina emociona-se ao falar da separação de Brad Pitt
    1:25
  • Modelo obrigada a prometer que não volta a arriscar a vida numa sessão fotográfica
    1:46