sicnot

Perfil

Cultura

Ilustrações portuguesas premiadas nos EUA

Carolina Celas, Teresa Cortez e André Letria estão entre os ilustradores portugueses premiados pela revista norte-americana 3x3, uma das mais importantes dedicada à ilustração contemporânea.

André Letria voltou a ser distinguido pela 3x3, desta vez com a capa do álbum ilustrado "Teatro", assinado com Ricardo Henriques.

André Letria voltou a ser distinguido pela 3x3, desta vez com a capa do álbum ilustrado "Teatro", assinado com Ricardo Henriques.

andreletria.pt

Aquela publicação distingue anualmente o melhor da ilustração, de todo o mundo, em diferentes categorias, de entre as propostas apresentadas a concurso. Todos os anos há autores portugueses reconhecidos, mas nem sempre com os prémios principais.

Este ano - e de acordo com a informação na página oficial na Internet - a 3x3 atribuiu a medalha de ouro da categoria "Estudante" a Carolina Celas, enquanto na categoria "Álbum Ilustrado" a medalha de prata foi para André Letria e a de bronze para Teresa Cortez. Mais de uma dezena de outros autores recebeu uma distinção de mérito.

Carolina Celas venceu com a série "Private Landscapes", feita no âmbito dos estudos na Royal College of Art, em Londres, onde vive. A autora já tinha mostrado a mesma série este ano na Feira do Livro Infantil de Bolonha.

André Letria volta a ser distinguido pela 3x3, desta vez com a capa do álbum ilustrado "Teatro", assinado com Ricardo Henriques.

Teresa Cortez recebe a medalha de bronze com o livro ilustrado "Balbúrdia", uma narrativa visual para a infância, e publicada este ano.

Nas categorias de ilustração "Profissional" e "Álbum Ilustrado", há vários nomes portugueses reconhecidos com distinção de mérito, alguns já premiados em edições anteriores, como André Carrilho, João Vaz de Carvalho, João Fazenda e novamente André Letria.

A eles juntam-se Cristiano Salgado, Catarina Sobral, Joana Rosa Bragança, Mariana Rio, Sandra de Matos, Marta Madureira e Fatinha Ramos.

Os premiados verão os seus trabalhos reunidos num anuário da 3x3, a publicar no final deste ano.

Lusa

  • Coutinho e Neymar salvam Brasil já na compensação

    Mundial 2018 / Brasil

    O Brasil venceu a Costa Rica por 2-0 numa partida a contar para a 2ª jornada do grupo E do Mundial da Rússia. Contas feitas, o Brasil sobe para o primeiro lugar do grupo, com 4 pontos, seguido da Sérvia com 3 pontos. A Suíça (1 ponto) e a Costa Rica (0 pontos) ocupam, assim, os últimos lugares da tabela.

  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • Moutinho e Raphael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • Mulher morre após ser mandada para casa pelo Centro Hospitalar do Oeste
    2:23

    País

    Uma mulher morreu depois de ter tido alta no Centro Hospitalar do Oeste. Há fortes suspeitas que tenha sido vítima de um diagnóstico mal feito por uma empresa de telemedicina. O Bastonário da Ordem dos Médicos quer avaliar todos os contratos do Estado com serviços de telemedicina e impedir que as empresas e os hospitais fujam às responsabilidades. Até agora ninguém foi responsabilizado, a família apresentou várias queixas e Entidade Reguladora da Saúde abriu um inquérito.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.