sicnot

Perfil

Cultura

Caderno com desenhos inéditos de Van Gogh é publicado em novembro

Um caderno com desenhos inéditos de Vincent van Gogh (1853-1890) foi descoberto e será publicado em novembro, em vários países, anunciou esta quinta-feira a editora francesa Le Seuil.

Mark Schiefelbein

O livro intitular-se-á "Vincent Van Gogh. Le brouillard d'Arles, carnet retrouvé" ("Vincent Van Gogh. O nevoeiro de Arles, caderno reencontrado", em tradução literal), e segundo a editora Le Seuil, "é surpreendente e fulgurante".

A editora não deu outros pormenores, nomeadamente quando foi encontrado, nem onde nem quantos desenhos inéditos contém, tendo adiantado apenas que são mais de uma dezena.

"A publicação do livro será um ato de divulgação do caderno encontrado", disse o editor Bernard Comment, precisando que tinha conhecimento da existência do caderno "há já um ano".

O editor afirmou ao semanário Livres Hebdo que a autenticidade dos desenhos está garantida por uma série de pareceres de especialistas na obra do pintor neerlandes, e de História da Arte.

Segundo a editora, o livro será objecto de uma "coedição mundial", através de filiais do grupo La Martinière, a que pertence a Le Seuil, e a acordos com editores associados de países como Holanda e Japão.

A obra será posta à venda um dia depois da sua apresentação à imprensa, em novembro, e, até essa data, ainda a anunciar, não será dada mais informação, segundo o comunicado da Le Seuil, divulgado esta quinta-feira.

A edição digital do Livres Hebdo adianta que o caderno de Van Gogh é propriedade de um particular.

Lusa

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57