sicnot

Perfil

Cultura

Chaka Khan adia tourné devido a dependência de fármacos

A cantora Chaka Khan adiou a tourné para iniciar um tratamento de reabilitação da dependência de fármacos. Em comunicado, Khan assume que a morte de Prince ajudou-a a decidir que precisa de ajuda.

Reuters

"Infelizmente, não vou poder dar concertos durante o verão. Porém, é vital que eu ponha a minha saúde e o meu bem estar em primeiro. Sei que estu a desiludir alguns fãs, mas sei também que eles querem que eu recupere e seja saudável", afirmou a cantora.

A vencedora de um Grammy, de 63 anos, assumiu que é viciada nos mesmos fármacos que levaram à morte de Prince. O artista foi encontrado morto na sua casa no Minnesota em abril. A autópsia revelou que a morte se deveu a uma overdose de fentanil, um poderoso analgésico da família dos opiáceos.

Chaka Khan iniciou um tratamento intensivo de reabilitação, a par da sua irmã - Yvonne Stevens, conhecida por Taka Boom

As duas concordaram reabilitar-se em conjunto.

"A morte trágica de Prince fez-nos às duas repensar e reavaliar as nossas vidas e prioridades. Sabíamos que era a altura de entrar em ação para salvar as nossas vidas. A minha irmã e eu gostaríamos de agradecer a todos pelo seu apoio, amor e orações", declarou ainda Chaka Khan.

  • Faltam 71 obstetras no SNS e as férias vão agravar a situação
    2:32

    País

    Faltam 71 obstetras no Serviço Nacional de Saúde pelas contas da Ordem dos Médicos. Com o verão e as férias à porta, a Ordem alerta para a eventualidade de, nalgumas regiões, ser preciso transferir os partos mais complicados para unidades onde houver especialistas.

  • Combate ao terrorismo e corrupção são prioridades do novo diretor da PJ
    2:42

    País

    O novo diretor da Polícia Judiciária diz que o combate ao terrorismo e à corrupção estão entre as maiores prioridades para a PJ. Mas alerta que são precisos meios para cumprir essa missão. Luís Neves tomou posse esta manhã, depois de 20 anos ligados à investigação do crime mais violento.

  • Uma viagem pela Estrada Nacional 236
    2:52
  • A reconstrução depois da tragédia de Pedrógão
    2:43
  • Três mortos e mais de 200 feridos do sismo no Japão
    1:07

    Mundo

    Pelo menos três pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas na sequência de um sismo de magnitude 6,1 na escala de Richter que atingiu hoje a região oeste do Japão, segundo um novo balanço das autoridades nipónicas. Uma das vítimas mortais era uma criança de 9 anos.