sicnot

Perfil

Cultura

Quadro de Domingos Sequeira será colocado "no lugar certo" amanhã

​O quadro "A Adoração dos Magos" do pintor português Domingos António Sequeira, comprado com fundos angariados numa campanha pública, vai ser colocado "no lugar certo" amanhã no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.

(MNAA)

De acordo com o museu, a tela - cuja campanha pública tinha como título "Vamos colocar o Sequeira no lugar certo" - será colocada amanhã, pelas 12 horas, na nova exposição permanente de pintura e escultura portuguesa, que será inaugurada na quinta-feira.

O Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA) indica, em comunicado, que o restauro da obra "acaba de ser finalizado" pelo Departamento de Conservação e Restauro daquela instituição, onde se encontrava na sequência da aquisição da peça em abril.

A campanha pública de angariação de fundos para comprar a tela "A Adoração dos Magos", atingiu um total de 745.623,40 euros, ultrapassando largamente os 600 mil euros necessários para a aquisição, tendo o museu já anunciado que o excedente será utilizado na aquisição de outra obra de arte, de valor cultural correspondente.

Esta foi a primeira campanha de angariação de fundos para a aquisição de uma obra de arte para um museu público em Portugal e contou com a contribuição de milhares de cidadãos a título individual, instituições, empresas, fundações, escolas, juntas de freguesia e câmaras municipais.

Lançada em outubro do ano passado, a campanha "Vamos pôr o Sequeira no Lugar Certo" tinha como objetivo ajudar o museu a adquirir a obra de Domingos Sequeira, pintada em 1828, da qual o MNAA possui o desenho final e vários preparatórios.

O MNAA tem no seu acervo cerca de 30 obras em pintura e desenho de Domingos Sequeira, cujo trabalho realizado nas primeiras décadas do século XIX se situa entre o Classicismo e o Romantismo, de um modo similar a Francisco de Goya, seu contemporâneo na cultura espanhola, segundo o museu.

Devido ao seu talento, Domingos Sequeira conseguiu proteção aristocrática e uma bolsa para se aperfeiçoar em Roma, onde privou com vários mestres e conquistou diversos prémios académicos.

Com Lusa

  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • "O fogo chegou de repente. Foi um demónio"
    2:15
  • O desabafo de um empresário que perdeu "uma vida inteira de trabalho" no fogo
    2:08
  • O testemunho emocionado de quem perdeu quase tudo
    2:10
  • As comunicações entre operacionais no combate às chamas em Viseu
    2:27
  • Houve "erros defensivos que normalmente a equipa não comete"
    0:38

    Desporto

    No final do jogo, quando questionado sobre a ausência de Casillas no onze do FC Porto, Sérgio Conceição referiu que a equipa apresentada era aquela que lhe oferecia garantias. Quanto ao jogo, o treinador portista reconheceu que a equipa cometeu vários erros defensivos.

  • "Cometemos erros e há que tentar corrigi-los"
    0:41

    Desporto

    No final do jogo em Leipzig, Iván Marcano desvalorizou a ausência de Iker Casillas e entendeu que o facto de o guarda-redes ter ficado no banco não teve impacto na equipa. Já sobre o jogo, o central espanhol garantiu que não correu da forma como os jogadores esperavam.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.