sicnot

Perfil

Cultura

Portugal vai participar no Festival de teatro Mindelact em Cabo Verde

Grupos de sete países, incluindo de Portugal, atuam na 22.ª edição do Festival Internacional de Teatro do Mindelo (Mindelact), que acontece de 16 a 24 de setembro, na ilha cabo-verdiana de São Vicente.

Segundo o programa apresentado esta quarta-feira no Mindelo, além de Cabo Verde, o evento vai contar com a presença de grupos e companhias de teatro de Portugal, Angola, Brasil, Argentina, Alemanha e Espanha, num total de 36 espetáculos e representações diárias.

O certame, que terá a duração de nove dias, terá palcos montados no Centro Cultural do Mindelo (CCM), na Academia Livre de Artes Integradas do Mindelo (ALAIM) e na Academia de Música Jotamont.

Além destes três palcos principais, o teatro irá chegar a ruas, escolas e comunidades de toda a ilha de São Vicente, com vários espetáculos e apresentações.

Em conferência de imprensa, o presidente da direção do Mindelact, Daniel Monteiro, e o diretor artístico, João Branco, prometerem organizar um "festival muito especial", tal como consideram tem acontecido desde a primeira edição, em 1994.

"Vamos ter uma boa programação que não foge à regra no que diz respeito aos anos anteriores. Tudo isto com o objetivo de premiar o público de São Vicente e de Cabo verde com um grande festival de teatro", disse Daniel Monteiro, citado pelo Expresso das Ilhas.

"Vamos ter teatro por todos os cantos e recantos da ilha. Vamos movimentar a cidade com o teatro, fazendo jus àquilo que é a história deste festival e à sua importância no teatro cabo-verdiano", afirmou, por sua vez, João Branco, dizendo que o festival vai "agitar" São Vicente.

Este ano, a Associação Mindelact vai atribuir o Prémio de Mérito Teatral a Flávio Anilton, um ator cabo-verdiano a encenar no Art`Imagem, do Porto.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.