sicnot

Perfil

Cultura

LCD Soundsystem atuam hoje no Paredes de Coura

O festival Paredes de Coura entra hoje em pleno na sua 24.ª edição com as atenções concentradas no regresso do projeto norte-americano LCD Soundsystem, reunido este ano depois de um primeiro ponto final em 2011.

Na sequência de um primeiro dia com atuações de vários grupos portugueses, como Best Youth ou Orelha Negra, bem como o regresso a palcos nacionais de Unknown Mortal Orchestra, Paredes de Coura vai assistir hoje a concertos nos palcos Vodafone e Vodafone FM.

Assim, o palco secundário vai incluir atuações da britânica Shura (que substituiu Sharon Jones & the Dap-Kings), de Bed Legs, um novo concerto de Algiers (que estiveram no Porto há dois meses para o Primavera Sound) e Joana Serrat.

Entretanto, no palco principal vai dar-se a estreia em Portugal de Whitney, projeto que lançou o primeiro álbum - "Light Upon the Lake" -- este ano, e conta com ex-membros de Smith Westerns, um dos quais, Julien Ehrlich, ex-baterista de Unknown Mortal Orchestra.

A seguir a Ryley Walker, Paredes de Coura acolhe mais um concerto de Thee Oh Sees em Portugal, banda com novo disco, de nome "A Weird Exits", que este verão ainda vai atuar em Portugal, no primeiro dia do festival Reverence Valada.

Com Sleaford Mods ainda no elenco, que voltam a Portugal depois de terem estado no Alive do ano passado, a noite tem como principal destaque LCD Soundsystem, o projeto de James Murphy, que regressou este ano depois de cinco anos de interregno.

De acordo com a página Setlist.fm, que reúne listas de canções tocadas em concertos, a atuação do grupo a 05 de agosto arrancou com "Us v. Them", seguida de "Daft Punk is Playing At My House", terminando com "Dance Yrself Clean" e "All My Friends", numa 'setlist' semelhante à do primeiro concerto que deram este ano, em Nova Iorque, no mês de março.

No 'after-hours' vai haver uma celebração dos dez anos da Enchufada, com Branko e Rastronaut e Suuns.

A 24.ª edição de Paredes de Coura prossegue até sábado com bandas como King Gizzard & The Lizzard Wizard, The Vaccines e Capitão Fausto, entre muitas outras.

Lusa

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.