sicnot

Perfil

Cultura

Festival do Crato arranca quarta-feira com Capicua, HMB e Richie Campbell & Anthony

O Festival de Música do Crato arranca na quarta-feira com os concertos de Capicua, HMB e Richie Campbell & Anthony, tendo ainda como cabeças-de-cartaz para a edição deste ano James Morrison, Kaiser Chiefs e Matt Simons.

O festival, que vai decorrer até sábado naquela vila do distrito de Portalegre, é promovido pelo município que, além destes espetáculos, anuncia ainda para terça-feira concertos com os Dama, Diana Martinez & The Crib, no decorrer da receção aos campistas.

Além do "prato forte" da música, o melhor do artesanato e da gastronomia daquela região alentejana também vai estar presente no Festival do Crato, numa zona de acesso livre que contará com espetáculos diários de cariz popular, como o folclore ou o acordeão.

No primeiro dia do festival (quarta-feira), no espaço de acesso pago, o destaque irá para a atuação de Capicua, HMB e Richie Campbell & Anthony B.

Na quinta-feira, a noite será dominada por Átoa, Ana Moura e James Morrison.

No dia seguinte é a vez de subir ao palco principal Custódio Castelo e Rão Kyao, Frankie Chavez e Kaiser Chiefs.

No sábado, último dia do festival, subirão ao palco Miguel Araújo e António Zambujo, bem como Matt Simons, que encerra o certame.

Durante o festival, haverá diariamente "After Hours", com os DJ HM, DjoaNa e Luís Sequeira, Wilson Honrado, Nuno Luz ft 4k, Club Banditz, João Vaz e Karetus.

A organização disponibiliza durante o certame um espaço para todos os festivaleiros que queiram acampar na zona.

Os preços dos bilhetes para o Festival do Crato vão variar entre os 12 euros, nos dois primeiros dias, e os 14 euros, nos últimos dois dias do certame.

Os bilhetes para os quatro dias do festival custam por sua vez 28 euros e, com acesso ao "camping" ocasional, durante os quatro dias, 32 euros.

Lusa

  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • Fim de semana de muito frio e vento forte
    2:08

    País

    Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, vem aí mais frio e as temperaturas mínimas negativas vão regressar a alguns pontos do país. Prevê-se também vento intenso para as próximas 48 horas.

  • O ensino à distância em Portugal
    4:12

    País

    Em Portugal, o ensino básico e secundário à distância já conta com 300 alunos e com a preciosa ajuda das novas tecnologias. É através do computador que a escola viaja e acompanha os alunos, alguns com doenças que não os permitem ir às aulas, outros que são atletas de alta competição e que têm a maior parte do tempo ocupado por treinos ou ainda os que fazem parte de famílias itenerantes, como é o caso dos que vivem no circo e andam de terra em terra.

  • Aprender a jogar badminton ao ritmo do samba
    2:54

    Mundo

    No Brasil, a correspondente da SIC foi conhecer um projeto social no Rio de Janeiro que mistura samba e desporto. Um desporto que ainda é pouco praticado mas que tem sido fundamental para transformar a vida de jovens das favelas e para descobrir novos talentos do badminton brasileiro.

    Correspondente SIC